STJ autoriza investigar Beto Richa | Fábio Campana

STJ autoriza investigar Beto Richa

Da Folha de S. Paulo

O ministro Og Fernandes, do STJ (Superior Tribunal de Justiça), autorizou abertura de inquérito contra o governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), que será investigado por supostos crimes citados na delação da Odebrecht.
O pedido para investigar o governador foi feito pelo vice-procurador-geral da República José Bonifácio Andrada.
Fernandes encaminhou os pedidos de diligências à Polícia Federal, que agora, vai apurar o que foi solicitado pela PGR (Procuradoria-Geral da República).
O ministro determinou sigilo nos autos da investigação.
Og Fernandes foi sorteado relator do inquérito, que não tem conexão com Petrobras. O relator da Lava Jato no STF é o ministro Luis Felipe Salomão.

Os delatores Benedicto Júnior, conhecido como “BJ”, e Valter Lana, ex-executivos da empreiteira, disseram aos investigadores da Lava Jato ter feito pagamentos “a pretexto de campanhas” do governador “operacionalizados por diversas pessoas”.

O material foi encaminhado ao ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no STF (Supremo Tribunal Federal), que depois enviou para o STJ, foro de governador.

Na ocasião, Richa disse que todas as contas de campanhas “tiveram a origem dos recursos declarada à Justiça Eleitoral”.

DELAÇÃO DA ODEBRECHT

BJ disse que a Odebrecht financiou três campanhas de Richa com dinheiro de caixa dois e registrado pelo setor de operações estruturadas da Odebrecht, conhecido como “departamento da propina”.

O tucano recebeu R$ 4 milhões em 2014, segundo BJ. Richa concorria à reeleição para o governo do Estado. O codinome dos pagamentos era “Piloto”.

O valor foi “alocado” às obras da rodovia PR-323, que acabou não indo adiante, disse o delator. Segundo ele, se o projeto tivesse sido desenvolvido, “esse valor seria alocado como custo dessa obra”.

BJ também afirmou que foram pagos R$ 550 mil por meio de caixa dois – sendo R$ 450 mil em 2010, quando Richa foi eleito governador, e R$ 100 mil em 2008, quando ele venceu a reeleição para a prefeitura de Curitiba.

Nessas ocasiões, os pagamentos foram operacionalizados por Valter Lana e o codinome com “Brigão”, contou BJ.


9 comentários

  1. Sergio Silvestre
    quinta-feira, 15 de junho de 2017 – 0:02 hs

    Quando tudo vier a tona não sobrara pedra sobre pedra,talvez uma fuga para o Libano.

  2. Paulo Tadeu Macedo Neves
    quinta-feira, 15 de junho de 2017 – 10:06 hs

    Quando tudo vier à tona, severa pegar o avião e ir para o Libano, antes o avião fará pouso em Caracas para deixar o senador Requião e seus puxa sacos para serem enterrados com seu líder maior o Chaves Ladrão, depois para em Cuba para deixar os LADRÕES do PT com seus líderes Malditos. Dai parte para a terra dos BRIMOS.

  3. JUSTICEIRO
    quinta-feira, 15 de junho de 2017 – 11:17 hs

    RICHA – Não é a primeira vez que o Governador sofre denúncias. Certamente com sua experiência obtidas em outras denúncias se tornou um especialista. Por isso, já deve estar acostumado e, saberá, portanto, contornar mais essa.

  4. Djair
    quinta-feira, 15 de junho de 2017 – 11:27 hs

    Só pela denúncia esse governador do paraná já deveria ser afastado e preso por índicios de crime, não adianta declarar dinheiro ilícito, recebeu dinheiro para favorecimento em verbas públicas super faturadas.

  5. quinta-feira, 15 de junho de 2017 – 11:57 hs

    É a única maneira dele entender que o Paraná não é sua propriedade e que ele pode fazer o que quer.

  6. JOHAN
    quinta-feira, 15 de junho de 2017 – 12:11 hs

    Caro FÁBIO, mais essa denúncia confirmando a investigação para caracterizar de fato a participação do governador do estado Beto Richa em falcatruas da Petrobrás, Odebrecht, O Beto é mais um TUCANO, como o SERRA, o AÉCIO e demais tucaninhos de alta plumagem envolvidos. Com essa medida, a candidatura ao SENADO esvaiu-se. VOCÊ TERIA CORAGEM DE VOTAR EM CANDIDATOS DA QUADRILHA TUCANA COM ESSE PEDIGREE. Atenciosamente.

  7. Flávio
    quinta-feira, 15 de junho de 2017 – 17:06 hs

    Aí vagal, vai ver o sol nascer quadrado junto com o Ezequias, Luís Abi Antoun (de Londrina e que está escondido), o ROSSONI, Nelson Justus, o Taradão da AL e o pastor de nome difícil, ou seja, vai gozar da companhia da nata da ORCRIM/PR.

  8. Dana
    sexta-feira, 16 de junho de 2017 – 10:55 hs

    Brevemente seu Sol vai Nascer Quadrado!!

  9. Jaja
    sexta-feira, 16 de junho de 2017 – 11:17 hs

    Eu torço pela absolvição do governador!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*