O vai e vem de Rocha Loures | Fábio Campana

O vai e vem de Rocha Loures

Dia 02 de junho: estava em sua casa em Brasília
Dia 03 de junho: preso na carceragem da Superintendência da Polícia Federal de Brasília
Dia 07 de junho: transferido para o Complexo Penitenciário da Papuda
Dia 14 de junho: transferido para a carceragem da Superintendência da Polícia Federal de Brasília
Dia 17 de junho: pedido de transferência para 19º Batalhão da Polícia Militar ou prisão domiciliar
Dia 23 de junho: A Polícia Federal informou ao STF que não tem condições de manter o ex-deputado preso na carceragem da Superintendência em Brasília.

E na Boca Maldita, onde os cavalheiros não poupam ninguém, o comentário é: “Ele leva mala para todos esses lugares?”.


5 comentários

  1. Sergio Silvestre
    sábado, 24 de junho de 2017 – 9:27 hs

    Jogue esse sujeito aqui num distrito qualquer e ele conta até história inéditas,esse povo brinca com a população.

  2. Priscilla
    sábado, 24 de junho de 2017 – 9:51 hs

    “Ele leva mala para todos esses lugares?”
    Kkkkkkkkk
    😂😂😂

  3. Dilas
    sábado, 24 de junho de 2017 – 12:08 hs

    Pelo vai e vem ele é a própria mala…

  4. Luiz Eduardo
    sábado, 24 de junho de 2017 – 17:13 hs

    Tanta preocupação com um elemento destes, la drão, propineiro, tra lha, uma vergonha. Ele quer é ficar numa boa em casa, mas como, se é corru pto? A máfia política junta-se a máfia judiciária. Mete o ferro neste elemento. Quanto cometeu o ato irregular, não pensou nas consequências?

  5. bs
    sábado, 24 de junho de 2017 – 17:44 hs

    Joga ele no cadeião do Richa que ele conta tudo.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*