O perigo da delação de Antonio Palocci | Fábio Campana

O perigo da delação
de Antonio Palocci

Do Painel da Folha de S. Paulo

A perspectiva da entrada de atores importantes do sistema financeiro nacional no foco da Lava Jato, com a delação do ex-ministro Antonio Palocci, vai ampliar a pressão por uma ofensiva do Congresso para conter os danos da operação. O Planalto já deu um passo nesse sentido ao editar medida que autoriza o Banco Central a firmar acordo de leniência. As tratativas do petista com a força-tarefa avançaram e há expectativa de que ele seja autorizado a sair da prisão nas próximas semanas.


7 comentários

  1. Palpiteiro
    segunda-feira, 12 de junho de 2017 – 8:50 hs

    Um país que vive às custas de delações não merece ter um futuro grandioso.

  2. segunda-feira, 12 de junho de 2017 – 9:04 hs

    “Ele mandou um recado aos ‘hermanos’ mafiosos do submundo, das trevas do crime organizado politico. Vou jogar no ventilador e vai se espalhar e respingar em todo mundo. Tem gente em Brasilia que não está conseguindo dormir. Quem viver verá!…” – Profº Celso Bonfim

  3. Daniel Fernandes
    segunda-feira, 12 de junho de 2017 – 10:54 hs

    Palpiteiro, se não fossem as delações, não saberíamos de muita coisa.

  4. CARAJÁS
    segunda-feira, 12 de junho de 2017 – 11:50 hs

    Quem não gosta das delações não tem coragem para viver!

  5. José
    segunda-feira, 12 de junho de 2017 – 12:57 hs

    Aqui em Smallville, no interior, a pu…ia é a mesma, entra eleição, sai eleição, vem os políticos puxar o saco dos granfinos, atrás de dindin. Dá nojo, e a gente vai se fazendo de besta pra viver, caso contrário o trem passa por cima.

  6. VISIONÁRIO
    segunda-feira, 12 de junho de 2017 – 16:59 hs

    Se o Palocci não se apressar vai sem nada de importante para con-
    tar e assim… não vai delatar nada. Vai continuar vendo o sol nascer
    quadrado.

  7. Rogerio
    segunda-feira, 12 de junho de 2017 – 17:52 hs

    Governo imundo, corrupto, sabendo que vem denuncias gravíssimas contra o setor financeiro “bancos”, já estão arrumando um jeitinho de o Banco Central aliviar o lado deles. A velha lei de Gerson continua funcionando. Esse país parece que não tem mais jeito.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*