O conflito interno no ninho tucano | Fábio Campana

O conflito interno
no ninho tucano

Após um levantamento feito pelos tucanos, o partido chegou à conclusão de que os políticos que querem a saída da base de apoio a Temer representam poucos eleitores. Na queda de braço, os 16 que defendem a permanência no governo somam 46,1 milhões de votos. Os que são contrários, 2,7 milhões.
A pergunta que não fizeram é sobre o futuro. Será que continuarão com essa representatividade toda depois do terremoto?


4 comentários

  1. JOHAN
    quinta-feira, 15 de junho de 2017 – 11:51 hs

    Caro FÁBIO, quem já viu briga de tucano, ficou a morrer de rir, pois é só pena que voa, e saem abraçados, Danem-se os presentes no auditório. São artistas frouxos, cansam logo, como cavalo paraguaio. É hilário. Atenciosamente.

  2. sergio
    quinta-feira, 15 de junho de 2017 – 12:26 hs

    Veremos como ficará o PSDB nas próximas eleições.

    Com certeza vai afundar junto com o PMDB e o PT,

    Chega de velhas raposas no galinheiro, chega de MAIS
    DO MESMO.

    Só os idiotas continuam a acreditar.

    O Brasil sairá da crise pelo trabalho de seu povo não por
    vantagens dadas pelo governo aos deputados, governadores e senadores.

    Não a corrupção, não a mesmice.

  3. Sergio Silvestre
    quinta-feira, 15 de junho de 2017 – 16:26 hs

    Quem diria hein o PSDB virou um partido de malfeitores .

  4. sexta-feira, 16 de junho de 2017 – 11:36 hs

    sergio, tudo isso com a ajuda nossa, com votos nulos/em brancos!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*