Medidas para evitar novos confrontos na Câmara | Fábio Campana

Medidas para evitar novos confrontos na Câmara

Se nem uma reunião entre vereadores e prefeito acontece sem confusão, imagine como está difícil para o secretário de Estado da Segurança Pública, Wagner Mesquita, planejar a segurança para votação do pacote de Greca na próxima segunda-feira.
Ele se reuniu ontem à noite com integrantes da Mesa Executiva da Câmara Municipal de Curitiba, Ministério Público e representantes dos sindicatos dos servidores públicos da Capital para discutir o esquema de segurança. O objetivo, segundo ele, é garantir o direito à manifestação da categoria, e ao mesmo tempo evitar novos confrontos, como os que ocorreram nas últimas tentativas de votar as propostas. “Existem vários pontos polêmicos que precisam ser definidos, como quantidade de pessoas que será autorizada a acompanhar a sessão. É um prédio histórico. Corpo de Bombeiros possui normas rígidas em relação ao controle de pessoas”. Existe um pleito da presença de carro de som, mas isso também ter que ser ajustado perante o planejamento operacional”.


Um comentário

  1. Azedo
    sexta-feira, 23 de junho de 2017 – 15:57 hs

    Deviam proibir o carro de som, de cara! Vai ficar “informando” (insuflando) os “manifestantes” (vândalos disfarçados de servidores miseráveis) para “ocuparem” (invadirem mesmo) “de maneira pacífica e democrática” (enfiando o pé na porta e pedradas na cabeças dos PMs) a Casa “do Povo” (onde trabalham os 38 representantes eleitos pelo povo) e “protestarem contra” (impedirem à força) a votação das medidas necessárias para colocar ordem no caos financeiro (que se não fizerem aqui vão nos transformar em cópia piorada do Rio de Janeiro).

    Depois, deveria instalar câmeras em pontos estratégicos para FILMAR TUDO DESDE O INÍCIO E PROVAR QUE SÃO ELES QUE INVADEM E ATACAM A PM E NÃO O CONTRÁRIO!

    Como sempre, vai ser pouca bala pra tanto fiadamãe!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*