Marcia Fruet provoca: 'para que possas ler em Buenos Aires' | Fábio Campana

Marcia Fruet provoca:
‘para que possas ler em Buenos Aires’

Marcia Fruet, que foi responsável pela Fundação de Ação Social na gestão de Gustavo Fruet, mostrou fotos do marido presente nos alagamentos que ocorreram em 2013. Em outra imagem mostra os dois atendendo moradores da Caximba e Greca com a esposa em Buenos Aires e acrescentou: “para que possas ler em Buenos Aires”.


8 comentários

  1. Marco Nascimento
    sexta-feira, 9 de junho de 2017 – 17:06 hs

    Ela podia explicar aquele rolo do IPPUC e Gaeco né

  2. Veredito
    sexta-feira, 9 de junho de 2017 – 19:32 hs

    A ex- primeira dama de Curitiba devia ter vergonha da administração do seu marido e de sua ação a frente da FAS, quando a única coisa que fez foi distribuir colchões às centenas de pessoas que viviam nas ruas da cidade. Aliás, ela também devia ficar envergonhada com o desprezo com que tratou as associações comunitárias, as quais se negava em atender e mandava suas secretárias tão despreparadas quanto ela para tratar com seres humanos fragilizados. A presença do seu marido junto dos alagamentos não significava que ele estava resolvendo o problema, mas sim posando para a fotografia de seu album pessoal. Se tivesse feito alguma coisa a cidade não teria sofrido tanto como sofreu com as últimas chuvas.

  3. Pablo
    sexta-feira, 9 de junho de 2017 – 19:57 hs

    Essa ex-primeira dana é uma piada…
    Quem passa diariamente na região próxima a praça Osório ha cerca de uma ano poderá muito bem comparar a mudança que ocorreu.
    Quando a hipster/descolada administrava a FAS era difícil frequentar/passar por aquele local, pois alem de deixar os anjinhos guardarem seus pertences, em qualquer hora do dia que andasse por la, era possível ver os nóias (cerca de uns 15) usando droga, mexendo principalmente com as mulheres, cometendo pequenos crimes. Sem contar o lixo/sujeira e o insuportável cheiro de fezes e urina… áhhh quando estava ensolarado eles tomavam banho no chafariz.
    Claro ainda é possível constatar problemas, mas pelo menos pessoas com senso de urbanidade estao utilizando aqueles espaço, seja para namorar, conversa entre amigos e outros jogam futebol, o que antes nao podiam fazer, uma vez que os meninos da revolucionaria de humanas tomavam conta.

  4. Daniel Fernandes
    sexta-feira, 9 de junho de 2017 – 20:39 hs

    Sinto muito, não sou fã do Greca, mas aí já é demais.
    O Gustavo Fruet fazia isso frequentemente?
    Duvido.
    Fora com a demagogia barata.
    E sobre ser hipster/descolada, há uns 20 anos (quando tinha 23 anos), eu era um. Mas a gente amadurece.
    Tem tanto hipster/descolado por aí que o diferente agora é ser uma pessoa ‘normal’.
    Ser hipster/descolado é apenas mais uma coisa massificada, em que eles acham que são hipsters/descolados, e na verdade são iguais a um monte de gente. Tão iguais que fica até difícil distinguir um do outro.
    E eles acham que isso é ser ‘contra o sistema’. Roupas diferentes, cabelos coloridos, piercing, tatoos… Eles acham que manifestações externas são ‘revolucionárias’.
    Só que não.
    A verdadeira revolução acontece dentro da mente. E quando ela realmente acontece, apenas uma bala vai te parar.
    Pronto, falei.

  5. Daniel Fernandes
    sexta-feira, 9 de junho de 2017 – 20:50 hs

    Só para constar: quando falo em revolução na mente, não estou falando de ideologias de esquerda/de direita e outras baboseiras do mesmo jaez.
    Estou falando daquele momento especial em que você começa a ver as coisas claramente. E com isso, você fica com coragem para falar, para ver se outras pessoas acordam.

  6. Fhabyo
    sexta-feira, 9 de junho de 2017 – 21:54 hs

    Greca já decepciona, mas isso não “lava” a péssima gestão de Gustavo Fruet e da primeira-dama, que nada de positivo fez na FAS.

    Nunca tinha visto tanto sem teto pelas ruas de Curitiba na gestão deles.

    Greca está em Buenos Aires, mas a FAS melhorou.

    Márcia Fruet não tem o que fazer, a não ser criticar os outros. Aliás, de “descolada” não tem nada. É uma conservadora travestida.

  7. Paulo Henrique
    sábado, 10 de junho de 2017 – 9:30 hs

    Demagogia!!!

  8. eleitor desmemoriado
    domingo, 11 de junho de 2017 – 11:30 hs

    agora é fácil fazer demagogia, queriam que o Greca adivinhasse que São Pedro iria mandar um dilúvio sobre a cidade? Dilúvio sim quem despejou na nossa cabeça foi a administração do maridão da moça, um oceano de incompetência que quase nos afogou.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*