Kireeff diz que foi ele quem pediu investigação de superfaturamento | Fábio Campana

Kireeff diz que foi ele quem pediu investigação de superfaturamento

O ex-prefeito de Londrina, Alexandre Kireeff, enviou nota em que retifica informações deste blog na matéria “Kireeff superfaturou até no aluguel de banheiros químicos”. Kireeff esclarece, com documentos, que tomou todas as providências, durante a sua gestão, para apurar os fatos. A auditoria foi feita sob determinação dele através de decreto municipal nº 169, em 11 de fevereiro de 2015. Ele também solicitou à Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização de Londrina (CMTU), órgão da administração indireta da prefeitura, que apurasse eventuais responsabilidades, além de encaminhar o resultado da auditoria ao Ministério Público.

Como mostra o documento, Kireeff determinou que fossem auditados todos os contratos de prestação de serviços e fornecimento de insumos de natureza continuada em vigência herdados da gestão anterior e dos contratos elaborados na própria gestão.

Imediatamente após receber o relatório da auditoria da Controladoria Geral do Município, o ex-prefeito solicitou abertura de processo administrativo para apurar eventuais responsabilidades, como mostra a Circular CI nº 577/2016-SG, com data de 27 de dezembro de 2016.

Os Relatórios da Auditoria foram encaminhados à promotoria de Proteção ao Patrimônio Público, do Ministério Público do Estado do Paraná, como mostra o documento Ofício nº 1060/2016 – GOV, com data de 29 de dezembro de 2016.


Um comentário

  1. Recruta Zero
    quarta-feira, 28 de junho de 2017 – 10:11 hs

    Parabéns ao administrador Alexandre Kireeff pelas providências tomadas quando da descoberta dos fatos que motivaram injusta matéria veiculada neste Blog. É assim que age quem é honesto. Mostra logo que não compactua com corrupção.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*