Jingle do Barbosa | Fábio Campana

Jingle do Barbosa

Na parada de sucessos o primeiro jingle da campanha de Joaquim Barbosa à presidência nos bailes funk do Rio:

“Lá vem o negão
contra a corrupção
relaxa e goza
vota no Barbosa”.


6 comentários

  1. Doutor Prolegômeno
    quinta-feira, 8 de junho de 2017 – 15:33 hs

    Se ele trabalhar no mesmo ritmo que trabalhava no STF o Brasil vai parar no tempo. Vai se queixar de dores na coluna pelo resto da vida.

  2. LENZA TOLEDO
    quinta-feira, 8 de junho de 2017 – 16:54 hs

    parece propaganda política antecipada.

  3. Tisa Kastrup
    quinta-feira, 8 de junho de 2017 – 18:18 hs

    Não voto num homem que abandonou no meio o julgamento da “Ação Penal 470” (vulgo mensalão) sem nenhuma explicação.

    Se não podia suportar o peso da toga àquela época, porque se acha capaz de suportar o peso da faixa presidencial agora?

  4. Daniel Fernandes
    quinta-feira, 8 de junho de 2017 – 22:44 hs

    E digo mais….
    Juiz como o Sérgio Moro (e como o Barbosa) não tem que se candidatar à presidência.
    Claro que é um direito deles…. mas eles não fazem um trabalho excelente como juízes?
    Quanto ao Barbosa, não tem meu voto pelo mesmo motivo que a Tisa Kastrup explicitou: o abandono da ação do mensalão.

  5. Daniel Fernandes
    quinta-feira, 8 de junho de 2017 – 22:57 hs

    Refletindo (um exemplo hipotético):
    Se o Sérgio Moro vier a ser presidente, poderá fazer o que faz?
    Não. Melhor ele permanecer como o juiz corajoso que é.
    Ele não precisa ser presidente para ser honrado com toda nossa admiração.

  6. EUDENOVO
    sexta-feira, 9 de junho de 2017 – 11:01 hs

    Este senhor é o suprassumo da canalhice,mas aposta na falta de memória da sociedade e conta com os votos dos torcedores,fiéis,contribuintes,eleitores e telespectadores.Agora quer voltar para terminar a caca que fez ao abandonar o “mensalão”.Outro bêbado covarde e oportunista.
    O primeiro operário que chegou ao poder,afundou o pais.
    A primeira mulher que chegou ao poder afundou mais ainda.
    Agora o primeiro negro,se chegar ao poder,vai completar a obra de destruição do que sobrou.Não por ser negro,mas por ser corruPTo como os outros.
    Ainda bem que temos Bolsonaro,senão ,era uma vez um Brasil.
    É bom JAIR se acostumando.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*