Tudo pode mudar | Fábio Campana

Tudo pode mudar

O quadro das eleições no Paraná em 2018 é instável. Imprevisível. Neste momento há três candidatos competitivos a governador: Cida Borghetti, Osmar Dias e Ratinho Junior. Mas tudo pode mudar. Uma novidade em delações da Lava Jato, por exemplo, pode incinerar pretensões rapidamente.

Para o Senado, Requião e Beto Richa são candidatos potenciais que devem disputar as duas vagas. Gleisi Hoffmann não vai tentar a reeleição, por motivos óbvios. Ré na Lava Jato, com um índice de rejeição histórico, deve se candidatar a deputada federal para garantir o foro privilegiado que vai precisar.

Nas rodas de apostas do Centro Cívico há quem crave todas as suas fichas na hipótese de que Beto Richa não deixará o governo para se candidatar. Só isso mudaria todo o quadro.


3 comentários

  1. Daniel Fernandes
    terça-feira, 23 de maio de 2017 – 13:02 hs

    O único que tem alguma probabilidade de ganhar meu voto (para qualquer cargo) é o Osmar Dias.
    Mas dependerá das pessoas com quem ele aliar-se.

  2. terça-feira, 23 de maio de 2017 – 13:33 hs

    Campana dando opções ao povo como se todos fossem burros quem mesmo vai querer Osmar, Ratinho ou Cida quando todos sabem que o próximo governador se chama Requião.

  3. Daniel Fernandes
    terça-feira, 23 de maio de 2017 – 13:40 hs

    É mesmo, Rock?
    E de onde vem esta sua certeza?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*