Saúde vai mal | Fábio Campana

Saúde vai mal

Os usuários que precisam de atendimento nas unidades de saúde da cidade reclamam da falta de estrutura, de profissionais e de remédios. Prefeitura se defende dizendo que reclamações são pontuais e que as falhas estão sendo corrigidas, batendo na tecla do discurso das dívidas deixadas pela gestão anterior, que no caso da Secretaria de Saúde, é de R$ 233 milhões.


2 comentários

  1. ANTIGÃO
    quarta-feira, 3 de maio de 2017 – 14:20 hs

    Como os usuários do sistema de saúde de Curitiba são impacientes ! Faltam ainda 57 dias para o nosso folclórico prefeito, conforme prometeu na campanha, resolva de vez todos os esses problemas.

  2. PEDROCA DO SUDOESTE
    quarta-feira, 3 de maio de 2017 – 15:08 hs

    Mas o hómi, quando assumiu na primeira semana, pousou,tirou fotos com o Secretário Estadual de Saúde, dizendo que a questão de medicamentos e insumos estava resolvida. Os amiguinhos do Palácio Iguaçu tinham ajudado a resolver os problemas . O que está acontecendo, afinal ? Quem está falando a verdade afinal ? O municipio ou o Estado ? São todos farinha do mesmo saco.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*