PSDB adia reunião sobre Temer | Fábio Campana

PSDB adia reunião sobre Temer

A cúpula do PSDB cancelou a reunião marcada para o final da tarde de hoje quando seria discutida a continuidade do apoio do partido ao governo de Michel Temer. Com quatro ministros e a terceira maior bancada do Congresso, 11 senadores e 47 deputados federais, a legenda é a principal aliada do PMDB no governo federal.
De acordo com o líder do PSDB no Senado, o senador Paulo Bauer, o encontro foi cancelado “para não alimentar especulações” de que o partido decidiria hoje desembarcar do Planalto. Internamente, a repercussão na imprensa da convocação de reunião dos tucanos, que contaria ainda com integrantes do DEM, como o senador Agripino Maia (RN), presidente nacional da sigla, pesou na decisão.
O último comunicado do partido foi aquele em que condicionaria a resposta de apoio depois que ouvisse o conteúdo da gravação entre Joesley Batista e Temer. De lá pra cá, todo mundo já ouviu muitas vezes as gravações, no entanto, os tucanos ainda não manifestaram nova posição.

Aguardemos, pois, o que vem pela frente.


3 comentários

  1. Macambúzio
    domingo, 21 de maio de 2017 – 18:43 hs

    Depois que o BURRICO do Aécio foi pego de forma BISONHA por um NOTÓRIO CORRUPTOR, o PSDB deveria é SAIR DE FININHO, mudar de nome e ir para o OSTRACISMO que é o lugar em que merecem estar essas lacraias inúteis!!!

  2. CARRASCO
    segunda-feira, 22 de maio de 2017 – 4:50 hs

    O Temer ainda pensa em continuar amargando o abandono no
    Palácio do Planalto e Jaburu como foi com a Dilma !? Não aprendeu
    ainda, hein, bandidaço !!!

  3. VISIONÁRIO
    segunda-feira, 22 de maio de 2017 – 5:08 hs

    A estas alturas do campeonato o PSDB precisa mudar de nome.
    Fica a sugestão do CoA (Cadê o Aécio) ou ANM (Aécio Nunca
    Mais). O correto mesmo é sumir do mapa…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*