Parceria contra exploração sexual infantil | Fábio Campana

Parceria contra exploração sexual infantil

A vice-governadora Cida Borghetti trouxe ao Paraná o empresário e filantropo Elie Horn, fundador da Construtora Cyrela. Em reunião no Palácio Iguaçu, definiram uma parceria para combater a exploração sexual de crianças e adolescentes.

Horn é o idealizador e financiador do Instituto Liberta, ONG que produz e divulga materiais publicitários para evidenciar dados relativos à exploração sexual de crianças e adolescentes no país e estimular denúncias através do Disque 100.

O empresário colocou o Instituto à disposição do Governo do Estado e das prefeituras paranaenses. “Temos recursos para produção e divulgação dos materiais sobre o tema”, disse.


3 comentários

  1. Deborah
    segunda-feira, 29 de maio de 2017 – 23:16 hs

    Com todo respeito Campana, será que falaram para o sr. Elie Horn que em Londrina até já assinaram ACORDO DE DELAÇÃO PREMIADA EM CRIMES DE ESTUPRO DE VULNERÁVEL, com o sr. Luiz Antonio de Souza??????
    Acho que ele ficaria ESCANDALIZADO!!!!!

  2. Janaina Fernanda
    terça-feira, 30 de maio de 2017 – 7:21 hs

    Já investigaram a fundo estas supostas menores se mentiam a idade dizendo que tinha 18 ou 19 ou 20 ??? Aí eu pergunto se as cafetinas quando vão negociar , será que falariam que estas garotas eram menores de 18 anos ??? Não né !! Já que para ganharem dinheiro ambas mentiam e como todos devem saber que nem um homem pede ou exige documentos na hora do sexo…então tá na hora de rever esta lei , que só serve para políticos porque se uma pessoa deve e vota com 16 e não pode se penalizada por nada ??? Matam e roubam e trafica com 12,13,14,15,16,17 e aí está a pergunta que lei e está para que serve ?? E enquanto a londrina as supostas garotas estão ainda fazendo o mesmo trabalho ?? Ou deixaram a vida fácil de lado ??

  3. JULIE CRISTINA
    terça-feira, 30 de maio de 2017 – 13:46 hs

    EXMA VICE GOVERNADORA. EM LONDRINA, OS PROMOTORES DO GAECO CONCEDERAM O PERDÃO JUDICIAL PARA CERCA DE 50 CRIMES SEXUAIS HEDIONDOS DE ESTUPRO DE VULNERÁVEL, CORRUPÇÃO DE MENORES PEDOFILIA E PROSTITUIÇÃO INFANTIL (CRIANÇAS DE 11 A 16 ANOS) COMETIDOS PELO PEDÓFILO LUIS ANTONIO DE SOUSA, RÉU EM 12 (DOZE) AÇÕES CRIMINAIS. TUDO FOI REFERENDADO PELO JUIZADO DE PROTEÇÃO A CRIANÇA E ADOLESCENTE. O MANÍACO ESTUPRADOR ESTÁ LIVRE LEVE E ¨SOLTO”. é PARA QUALQUER UM FICAR ESCANDALIZADO MESMO.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*