"Julgamentos não são políticos", diz Moro | Fábio Campana

“Julgamentos não são políticos”, diz Moro

Ao participar de uma conferência em Londres, neste sábado, o juiz Sergio Moro fez uma referência, ainda que indireta, ao modo como enxerga a condução dos processos da Lava-Jato em geral – e aquele que envolve o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em particular. “Se o juiz for julgar pensando na consequência política, aí ele não está fazendo o seu papel de juiz. Acho que muitas vezes se faz essa confusão de que os julgamentos são políticos, quando na verdade não são”, defendeu Moro diante da plateia do Brazil Forum UK, evento realizado por um grupo de brasilianistas que são pesquisadores de pós-graduação de universidades britânicas. As informações são de Veja.

Ele e o ex-ministro da Justiça e ex-advogado-geral da União José Eduardo Cardozo participaram da mesa que encerrou a programação do dia, debatendo o papel do Judiciário na crise política. Em sua fala, Moro ainda teceu outras ponderações que podem ser aplicadas ao caso de Lula – réu interrogado por ele três dias antes do evento, no processo que investiga a propriedade do triplex do Guarujá. “Tem que se entender que nesses casos envolvendo corrupção de agentes políticos, em postos de elevada hierarquia, um julgamento, seja absolutório, seja condenatório, sempre tem reflexos políticos, certo? Mas esses reflexos sempre ocorrem fora da corte de Justiça. Então, quando se condena, por exemplo, um ex-político de envergadura, alguém que teve um papel às vezes até respeitável dentro da vida política do país, inevitavelmente isso vai gerar reflexos dentro da política partidária”, afirmou.

Moro foi recebido entre aplausos e vaias pela plateia de cerca de 350 pessoas, na maioria estudantes, e minimizou a polarização entre ele e Cardozo. “Não dei nenhuma cotovelada nele. É uma tolice, como se não pudéssemos dividir um espaço e conversar.”

Já o ex-advogado geral aproveitou a ocasião para dizer que o impeachment de Dilma Rousseff foi um golpe e afirmou: “Não adianta aplaudir quando o direito suprimido é de um adversário e vaiar quando é de um aliado.”

Barroso

Mais cedo, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso também havia participado do evento. Ele declarou que a impunidade criou um país de “ricos delinquentes” e destacou a dificuldade do Judiciário em punir as classes mais altas. “A verdade é que um direito penal absolutamente incapaz de atingir qualquer pessoa que ganhe mais de cinco salários mínimos criou um país de ricos delinquentes, em que a corrupção passou a ser um meio de vida para muitos e um modo de fazer negócios para outros. Houve um pacto espúrio entre iniciativa privada e setor público para desviar esses recursos. E não é fácil desfazer esse pacto. Qualquer pessoa que esteja assistindo o que se passa no Brasil pode testemunhar”, afirmou Barroso.

O Brazil Forum UK vai até amanhã com o apoio da Sociedade Brasileira da Universidade Oxford e da Sociedade Brasileira da London School of Economics.


15 comentários

  1. Sergio Silvestre
    domingo, 14 de maio de 2017 – 12:30 hs

    Vamos aqui fazer um glossário do custo beneficio desse juiz,
    1-Ganha perto de 100 mil reais mensais e vai se aposentar até com os dias contados das mamadas que ele deu na sua mãe.
    2- foi advogado do maior corrupto de todos os tempos de Maringá,Jairo Gianoto.
    3-atuou no caso Banestado onde as cifras chegaram a estratosféricos valores de 500 bilhões de reais,e o mentor de tudo sr Yossef,alem de ser solto pelo distinto Juiz,acabou virando seu amigo e delator mor.
    4-amigo dos tucanos,amigos dos fascistas ele tem sim um lado,tanto que nas redes sociais sua esposa atua com desenvoltura cooptando amizades só com apoiadores da direita e no seu face consta muitos comentários mostrando um lado sombrio da sra Moro
    5-calcula-se que o prejuizo a nação dada por esse sr nem em 50 anos o Brasil vai se recuperar,vai destruir nossas construtoras,nosso parque industrial e a corrupção vai continuar até por que seus amigos e protegidos são os maiores bandidos.

  2. Trump
    domingo, 14 de maio de 2017 – 14:44 hs

    O que um juiz com todo meu respeito que esta julgando um caso no Brasil vai dar palestra fora do pais, ou dentro do pais, de uma forma ou de outra acaba falando sobre o caso que esta julgando e isto não é bom nem pro msgistrado e nem para o país.

  3. Do Interior...
    domingo, 14 de maio de 2017 – 16:26 hs

    É SS, seu “chefe” está cada dia mais perto da cadeia. E não adianta espernear, falar baboseiras, mentiras e gritar nas redes sociais. O que está no processo é o que vale. Há provas irrefutáveis de que seu “chefe ” é o comandante de toda essa lama. Está claro, agora, de que o power point está com a razão. Mas no processo judicial, graças ao bom Deus, o que manda é a lei e a democracia onde o acusado tem que se defender com as provas e não com o gógó e muita malandragem e mentiras.

  4. TO DE OLHO
    domingo, 14 de maio de 2017 – 18:00 hs

    Aos admiradores de LULA: Ninguém acredita em um mentiroso, mesmo quando ele diz a verdade.
    (Cícero)

  5. SR. EUDES
    domingo, 14 de maio de 2017 – 18:15 hs

    Até prova em contrário mantenho-me – e sem compromisso político partidário – bastante convicto : ” – A unilateralidade continua “engolindo” os Autos da Lava-Jato ! “. As evidências vêm de todo lado e nos dão conta de que a Blindagem a FHC, SERRA, AÉCIO e mais inúmeros graúdos Tucanos é uma realidade; continuam “À margem” sob as benesses…do além e das mídias coniventes !!.Afinal, quando o Exmo. Sr. Dr. Sérgio Moro vai se dignar a “CONVIDAR” os mentores da desgraça Verde-Amarela a “VISITAR” Curitiba ??!!. Lamentavelmente – pelo que nos apresenta – os limites também são impostos aos justiceiros…não tão somente aos pobres mortais. AH! Essa maculada Justiça que não consegue abrir os olhos !!!.

  6. domingo, 14 de maio de 2017 – 19:27 hs

    AGORA FAÇAMOS UMA ANALISE RÁPIDA QUEM ASSIM DECIDIR , QUANTO CUSTA O SR LULA CORRUPTO, COM TUDO QUE JÁ SURRUPIOU DO POVO BRASILEIRO QUE TRABALHA. SE DESTINOU ALGUMA COISA, NÃO FOI COM SEUS RECURSOS. FORAM RECURSOS PÚBLICOS, PORTANTO NADA DE EXTRAORDINÁRIO OU DE CARIDADE, E QUANTO PAGAREMOS ATÉ OS SEUS OSSOS VIRAREM PÓ, ISSO SE O DIABO NÃO COMER TUDO ANTES, TAMANHA É A SUBVERSIVIDADE QUE ELE PRATICA NESSE PAÍS CHAMADO BRASIL. TIRA DE TODO JEITO , E O PIOR NUNCA TRABALHOU. PENSEMOS ISSO EM QUANTO É TEMPO.

  7. domingo, 14 de maio de 2017 – 19:29 hs

    AGORA FAÇAMOS UMA ANALISE RÁPIDA QUEM ASSIM DECIDIR , QUANTO CUSTA O SR LULA , COM TUDO QUE JÁ TIROU DO POVO BRASILEIRO QUE TRABALHA. SE DESTINOU ALGUMA COISA, NÃO FOI COM SEUS RECURSOS. FORAM RECURSOS PÚBLICOS, PORTANTO NADA DE EXTRAORDINÁRIO OU DE CARIDADE, E QUANTO PAGAREMOS ATÉ OS SEUS OSSOS VIRAREM PÓ, ISSO SE O DIABO NÃO COMER TUDO ANTES, TAMANHA É A SUBVERSIVIDADE QUE ELE PRATICA NESSE PAÍS CHAMADO BRASIL. TIRA DE TODO JEITO , E O PIOR NUNCA TRABALHOU. PENSEMOS NISSO EM QUANTO É TEMPO.

  8. Do Interior.....
    segunda-feira, 15 de maio de 2017 – 8:32 hs

    Por mais que a petezada queira atingir o Sergio Moro e a justiça com o blá blá blá inventado pelo PT e repetido pelos céticos, isso não vai acontecer.

    Os defensores incansáveis da corrupção esquecem-se que mesmo se fosse verdade o que dizem, tem o tribunal de segunda e terceira instancia que pode invalidar o que decidiu Moro. Portando, essa conversa é o papo de lulla, o mentiroso.

  9. Doutor Prolegômeno
    segunda-feira, 15 de maio de 2017 – 10:34 hs

    Acho uma coisa surreal magistrados saírem mundo afora, dando detalhes dos seus casos, argumentando e justificando, debatendo a lana caprina e os nós em pingos d’água. A ribalta, as luzes, a fama… Somos um país de servos.

  10. Caiçara do Litoral
    segunda-feira, 15 de maio de 2017 – 12:36 hs

    Sr. Eudes. O Sergio Moro não fez nenhuma audiência para ouvir estas pessoas, por que os processos contra eles não foram ainda autorizados e enviados, por que talvez não hajam indícios suficientes que autorizem o STF ou a PGR a prosseguir, ou ainda estão sendo investigados pela PRF. Não se tratam de benesses.

  11. Sergio Silvestre
    segunda-feira, 15 de maio de 2017 – 13:38 hs

    ANTONIO SUA ANTA DE DUAS PATAS,QUEM CUSTA CARO PARA O BRASIL E O MORO,SALARIO 87 MIL REAIS POR MÊS,PREJUÍZO A NAÇÃO 800 BILHÕES.

  12. VIZINHENSE
    segunda-feira, 15 de maio de 2017 – 14:31 hs

    Antonio pelo que eu li vc está se achando DEUS,sabe tudo sobrê o homem,fale para o Moro que vc sabe de tudo,até as coisas que ele não sabe,ai termina essa polemica e os politicos voltam a roubar e fica tudo certo.O HOMEM VAI PRÁ CADEIA E O BRASIL CONTINUA COM ESSA POLITICA DE CORUPTOS.Mas cuidado se vc sabe tudo é porque estava também roubando.kkkkkk

  13. indignado3
    segunda-feira, 15 de maio de 2017 – 16:35 hs

    O CALÇA FROUXA é mesmo um trouxa. Ele esta fazendo a conta de
    quanto o BRASIL esta perdendo com as medidas necessárias, da LAVA JATO.Mas não sabe fazer as contas de quantos BILHÕES O
    PT E SUA QUADRILHA, ROUBOU. Tadinho, a IGNORÂNCIA domina
    seu CÉREBRO DOENTIO.

  14. Benjamin Button
    segunda-feira, 15 de maio de 2017 – 18:58 hs

    Adoro este chororo destes pestistas como o Cardozão, sempre vem esta estória de Golpe, não sabem dizer outra coisa? Não, não sabem porquê para eles a perda do Poder lhes acabou com a vida e o futuro, só sabiam viver contando com as benesses que um Poder exercido de forma irresponsável lhes conferiu, não sabem viver tendo que pagar do próprio as despesas que nós lhes pagávamos.

  15. Juca
    terça-feira, 16 de maio de 2017 – 4:32 hs

    Esse Cardozo devia ter vergonha na cara. No governo só não fez cagada quando ficou de molho 5 dias porque operou as hemorroidas! É uma vergonha esse cara ficar falando mal do Brasil igual Dilma.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*