Guerra de torcidas ou ação de quadrilha? | Fábio Campana

Guerra de torcidas ou ação de quadrilha?

Nos intestinos da Prefeitura de Curitiba corre uma ação malcheirosa que nada tem a ver com o grande interesse da sociedade. Trata-se de de uma iniciativa que parece ser de torcida de futebol a prejudicar o adversário. Há uma grandiosa armação para prejudicar o Atlético Paranaense. Parte de um grupo de maioria de integrantes de uma facção que disputa o comando do Coritiba e por isso parece um confronto do futebol. Não é. O Coritiba nada tem a ver com isso, a facção em jogo nem está na direção do clube, pois foi defenestrada há muito tempo e deixou o Coxa na série B do campeonato nacional. Na verdade, a armação contra o Atlético Paranaense tem muito a ver com outros interesses, objetivos, palpáveis, calculáveis em moeda corrente nacional ou estrangeira. Alguns já foram devidamente levantados e, acompanhados de provas, seguem agora para o Ministério Público. Vai feder.


3 comentários

  1. BETO
    quarta-feira, 17 de maio de 2017 – 12:42 hs

    POIS É, ENQUANTO OS BRASILEIROS PRIORIZAREM FUTEBOL E CARNAVAL ESTE PAIS VAI CONTINUAR SENDO UMA MERDA.

  2. Macambúzio
    quarta-feira, 17 de maio de 2017 – 12:43 hs

    Será que o CAP vai ter de pagar a Arena? Que injustiça!!!

  3. Maquiavel
    quarta-feira, 17 de maio de 2017 – 13:46 hs

    O “prefeito sem voto”, também conhecido por GG será co-responsável pelo impeachment do gordo

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*