Corruptos em apuros | Fábio Campana

Corruptos em apuros

O devastador depoimento do ex-diretor de Serviços da Petrobras Renato Duque, nesta sexta (5), colocou o ex-presidente Lula com os pés na prisão. Diretor cujos negócios sujos financiaram o PT e petistas, nos governos Lula e Dilma, Duque declarou que Lula era o “grande chefe” da quadrilha e contou episódios que ilustraram essa afirmação, como quando o então presidente Lula lhe deu instruções para esconder em bancos no exterior o dinheiro roubado da petroleira brasileira. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Renato Duque não fez acordo de delação na expectativa de um milagre o salvasse da cadeia. Mas, condenado a quase 41 anos, resolveu falar.

Segundo Duque, Lula o chamou após Dilma mencionar contas dele no exterior. E orientou: “Não pode ter nada no teu nome, entendeu?”

Ladrão confesso, o ex-gerente Pedro Barusco – que devolveu R$ 267 milhões roubados – era subordinado de Renato Duque, na Petrobras.


5 comentários

  1. JÁ ERA...
    sábado, 6 de maio de 2017 – 14:00 hs

    Porque Lula, Dilma e toda esta curriola precisam passar o resto de
    suas vidas na cadeia !? É só ver o quanto de dinheiro que roubaram.
    Praticamente o equivalente de um bom banco.

  2. Parreiras Rodrigues
    sábado, 6 de maio de 2017 – 16:35 hs

    E quem apoia ladrão, tem perdão?

  3. jaferrer
    domingo, 7 de maio de 2017 – 10:16 hs

    Gostaria e muito de ver esse ladrão e sua quadrilha na cadeia, mas não bastam delações. É preciso provas mais firmes para embasar uma condenação definitiva. Vamos ver se o ministério público foi esperto e guardou as melhores cartas para surpreender o larápio no dia do depoimento. Se isso não acontecer, então teremos que conviver com o crescimento desse sujeito nas pesquisas, pois o discurso de coitadinho perseguido vai acabar sendo justificado. O povão é muito sensível a esse tipo de discurso.

  4. Moisés Fróes
    domingo, 7 de maio de 2017 – 12:45 hs

    A ‘outra’ amante do Lula/drão. Sorrindo por estar ao lado do ‘outro’?
    PB há quanto tempo já dura esse chifre seu?

  5. Helena
    segunda-feira, 8 de maio de 2017 – 18:35 hs

    Se, o subordinado do empregado do chefão da quadrilha devolveu 267 milhões do roubo, imaginem quantos milhões o empregado do chefão e o próprio chefe Tem em bilhões para devolver para o Brasil???

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*