Carta resposta | Fábio Campana

Carta resposta

O vereador Helio Wirbiski (PPS) enviou carta ao blog referente à publicação “Tiro no Pé”.
É o que segue:

Caro, Fábio Campana. O texto de sua autoria, intitulado “Tiro no pé”, publicado no site fabiocampana.com.br, não explica o real objetivo do nosso projeto que determina o acompanhamento de guia de turismo regional em excursões de turismo no município de Curitiba.

O presente projeto tem o intuito de fortalecer o setor turístico municipal, uma vez que determina que excursões turísticas, dentro do perímetro de Curitiba, deverão ser acompanhadas de guias locais. Assim, valorizando o profissional regional.

Somente o guia local pode atender os turistas com eficácia, por conhecer com excelência, os pontos turísticos, que realmente sejam de interesse público. Atrações que são inúmeras e todas contam com uma rica história que deve ser transmitida de maneira fidedigna.

O guia de turismo é um profissional que, necessariamente, passa por capacitação e está constantemente se qualificando, sendo o responsável por recepcionar e interpretar a cidade e seus atrativos. Isto é, passa a ser um fundamental ator dentro de um mercado de alta relevância social e econômica, especialmente se considerarmos os mais recentes eventos esportivos realizados em Curitiba de proporções mundiais: a Copa do Mundo de 2014 e a realização do UFC 198.

Além disso, são segmentos como a cultura, meio ambiente, história local, gastronomia, rede de hospedagem, eventos locais e regionais além do planejamento urbano, que serão alavancados pelos guias de turismo, o que garante uma maior competitividade, estímulo ao crescimento econômico e social, garantindo mais emprego e renda na área turística da cidade.

Cidades turísticas como, Foz do Iguaçu, Fortaleza e Rio de Janeiro, possuem leis semelhantes que regulamentam os guias de turismo regionais. O que mostra a importância do profissional para a valorização real da cultura do município e com isso, a realização do projeto. Curitiba tendo inúmeros pontos de visitação turística, é merecedora de um profissional que conheça verdadeiramente o contexto histórico, paisagístico, político e turístico, para descrever a cidade de forma correta.

Profissionais da área, que possuem conhecimento técnico sobre o assunto como ABGTUR Associação Brasileira dos Guias de Turismo, através da sua presidente Luci Jacomel Kowalkzuk e o SINDEGTUR Sindicato Estadual dos Guias de Turismo-Paraná, fizeram parte da elaboração do projeto. Para eles, a iniciativa garante a interpretação correta dos aspectos, históricos – geográficos – culturais e sociais do destino turístico, bem como assegura melhor logística de circulação de ônibus e vans de turismo na cidade. Fora o fato de evitar o exercício ilegal da profissão.

A ausência desse profissional acarreta uma falta de qualidade nos serviços prestados, como: informações equivocadas sobre a cidade, transtornos de transporte, falta de entendimento dos fatos históricos que geram soluções urbanas, o não conhecimento de todo o complexo turístico, principalmente os novos pontos atrativos do município. O que ocasiona visitas curtas, e até o não retorno dos turistas.

Em busca de uma maior geração de emprego e renda no município, possuímos outros projetos, como a implantação do “Alvará Fácil”, que dispõe sobre a criação de um alvará provisório de localização e funcionamento. Alvará este que terá prazo de 360 dias para que micro e pequenas empresas, responsáveis por 80% dos empregos formais, se adequem às exigências dos órgãos de segurança. O nosso objetivo é diminuir a burocracia existente para quem quer se tornar um empreendedor, e assim, gerar empregos e renda. A lei dos Food Trucks, da pequena e microempresa, uso de recuos e calçada, e tantas outras.

Esperamos que a sua concepção em relação ao nosso projeto de guias turísticos tenha mudado, após os esclarecimentos. Estamos à disposição para dúvidas e sugestões.

O nosso trabalho é feito com dedicação, ética, seriedade e transparência, para fazer de Curitiba uma cidade melhor para todos!

Temos admiração pelo seu trabalho e certeza de que seu blog estará sempre a favor do bem-comum e da verdade.

Um grande abraço. Helio Wirbiski.


4 comentários

  1. Jair Augusto
    quarta-feira, 17 de maio de 2017 – 10:49 hs

    Parabens Vereador! Até que enfim algum politico olhando pelo turismo!

  2. Denner Rogers
    quarta-feira, 17 de maio de 2017 – 11:54 hs

    Parabéns Vereador !!!

  3. Celia Regina Locatelli
    quarta-feira, 17 de maio de 2017 – 13:42 hs

    Apoiadíssimo Vereador.

  4. IVETE FAGUNDES
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 13:20 hs

    Corrigir por favor.
    Guia Turistico – significa o que esta escrito no folder, mapas, flyers. ë a divulgação.

    Guia de Turismo – profissional cadastrado no CADASTUR do Ministerio do Turismo e que atende o visitante.

    Detalhe: Muitos profissionais GUIAS DE TURISMO tem uma bagagem enorme para discutir sobre o assunto e outros ligados a profissao.
    Nao é de agora que tentamos implantar a Lei Municipal. É interessante qque a Lei Estadual existe e a Municipal nao.
    Tambem nao adianta so criar a Lei é necessario a fiscalizacao efetiva para isso. Obrigada.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*