Últimos ajustes | Fábio Campana

Últimos ajustes

Às vésperas da apresentação do relatório da reforma da Previdência para as bancadas da Câmara — o que ocorrerá num café da manhã nesta terça-feira, no Palácio da Alvorada —, o presidente Michel Temer se reuniu neste domingo com ministros e parlamentares envolvidos na elaboração do texto para dar os retoques finais no projeto. Apesar do desgaste causado pelas delações da Odebrecht, que culminaram em diversos pedidos de inquérito contra integrantes do governo, Temer e os deputados fizeram questão de afirmar que isso não deve atrapalhar o calendário da Previdência.

Presidente da comissão na Câmara, o deputado Carlos Marun (PMDB-MS) afirmou que o plenário da Câmara votará o texto na primeira ou segunda semana de maio e que, em seguida, há disposição do Senado em dar celeridade à votação do projeto. Ele disse ainda que a previsão é que a comissão vote o relatório no próximo dia 28, após pedido de vista já esperado para a sessão desta terça. As informações são d’O Globo.


Um comentário

  1. TIO DOCA
    segunda-feira, 17 de abril de 2017 – 11:06 hs

    De uma hora para outra as reformas previdenciária e trabalhista se tornaram imprescindíveis para esse governo de sanguessugas. Quando a classe política tem muita pressa para fazer alguma reforma, algo de muito podre está por detrás disso. Atenção povo brasileiro, estamos vendo como funcionam as coisas para esses políticos imundos.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*