Polícia paraguaia mata líder de grupo que queimou Congresso | Fábio Campana

Polícia paraguaia mata líder de grupo que queimou Congresso

Rodrigo Quintana, 25, da juventude do Partido Liberal Radical Autêntico, levou 8 tiros em ação policial após protesto contra manobra parlamentar por reeleição presidencial. Os confrontos entre policiais e o grupo opositor deixaram mais de 30 feridos e ao menos 200 pessoas foram detidas.


Um comentário

  1. eleitor desmemoriado
    sábado, 1 de abril de 2017 – 21:36 hs

    Numa hora tão triste como esta isto seria de se esperar, será que vem por aí outra Venezuela? E o Paraguai ia tão bem.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*