Legado da Olimpíada | Fábio Campana

Legado da Olimpíada

Além de ciclovias que despencam, a Olimpíada deixou como legado R$ 15 milhões em propina para Eduardo Paes, então prefeito do Rio de Janeiro. O homem forte do Departamento de Propinas da Odebrecht Benedicto Barbosa da Silva Júnior declarou em delação que o grupo repassou o valor a Paes. “Dessa quantia, R$ 11 milhões foram repassados no Brasil e outros R$ 5 milhões por meio de contas no exterior. O colaborador apresenta documentos que, em tese, corroboram essas informações prestadas, havendo, em seus relatos, menção a Leonel Brizola Neto e Cristiane Brasil como possíveis destinatários dos valores”, relata o ministro Edson Fachin.


3 comentários

  1. quarta-feira, 12 de abril de 2017 – 10:16 hs

    Se não começar as prisões de nada adianta todo esse foguetório….

  2. BETO
    quarta-feira, 12 de abril de 2017 – 11:40 hs

    Lembro-me muito bem da choradeira do vagaba Lula da Silva pra trazer a Copa do Mundo ao Brasil e não foi diferente em relação as Olimpíadas. Nunca me enganei com esse pilantra pois sempre falei que a roubalheira seria gigantesca. Esse vagabundo acabou com o Brasil essa é a verdade. LIXO.

  3. PEDROCA DO SUDOESTE
    quarta-feira, 12 de abril de 2017 – 15:18 hs

    Esse legado da olímpiada estava escrito nas estrelas, que iria acontecer. Quando se dizia e se falava que muitos iriam surfar na grana pública, muitos diziam que eram pessimistas e tal.A mesma coisa com a COPA do MUNDO, quando se dizia que muitos estádios ficariam ociosos, estão aí as moscas. Pobre BRASIL, sempre atendendo os interesses de meia dúzia, e o povo pagando a conta.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*