Greca pode enfrentar nova greve | Fábio Campana

Greca pode enfrentar nova greve

Servidores municipais de Curitiba decidem na noite de hoje (17) se a greve geral começará nesta terça-feira (18). O indicativo foi aberto no fim de março, por conta do ajuste fiscal proposto pelo prefeito Rafael Greca (PMN), que, entre outras medidas, pretende suspender o plano de carreira e adiar a data-base da categoria. A assembleia acontecerá às 19h na sede da APP-Sindicato, na capital. As informações são da Banda B.

No caso de a greve ser confirmada, serviços de Saúde, escolas municipais e até de segurança, por conta dos guardas municipais, podem ser afetados.


4 comentários

  1. É NÓIS
    segunda-feira, 17 de abril de 2017 – 12:17 hs

    A PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR
    QUANDO O GRECA VAI COMEÇAR TRABALHAR??? PORQUE ATÉ AÇOES QUE NÃO DEPENDE DE DINHEIRO COMO REVER A VELOCIDADE NAS VIAS LERDAS DO FRUET QUE ELE PROMETEU NA CAMPANHA, ATÉ AGORA NÃO FEZ NADA.
    O GRECA ESTA SAINDO UM FILHOTE DO REQUIÃO NÃO FAZ NADA E JOGA A CULPA NOS OUTROS.

  2. Marcus
    segunda-feira, 17 de abril de 2017 – 14:01 hs

    Sr Greca:
    Aparelhar o ICS com gente da Maria Vitória, filha de um casal suspeitíssimo?
    Aparelhar o ICS com gente do Pizzato, ressuscitado e de indole duvidosa ?
    Colocar pessoal do Richa, suspeito de falcatruas e denunciado?
    Festa na contratação de cargos comissionados em detrimento dos funcionários de carreira?
    Não foi pra isso que nós votamos em vc.
    Chega!!! Os eleitores não aguentam mais isso.
    Será o seu ocaso político, nunca mais terá meu voto.

  3. PRINCESA DA LISTA
    segunda-feira, 17 de abril de 2017 – 14:07 hs

    O prefeito fez gozação da presença do ex prefeito DENTUÇO na lista do fim do mundo, mas esquece que a CIDA BORGHETTI mão da aliada Maria Vitória, com diversos cargos comissionados na prefeitura de Curitiba também está nesta relação. Esquece também que o governador Beto Richa, o PILOTO, também está mergulhado até o pescoço de merda. MELHOR NÃO CUSPIR PRA CIMA PREFEITO, VAI CAIR NA SUA CABEÇA.

  4. Adalberto Fontana
    segunda-feira, 17 de abril de 2017 – 15:09 hs

    Muito bonito… Milhões de pessoas perdendo o emprego… Diversos estabelecimentos fechando as portas… O país em recessão… Mas os funcionários públicos de Curitiba não querem largar o osso… Querem continuar com seus privilégios, que são pagos por nós, a população… Se fizerem greve, a Prefeitura deve descontar dos salários desse povinho… Uma cidade não pode viver apenas para pagar seus funcionários, tenham vergonha na cara!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*