'Se for necessário aumentar imposto, será aumentado', diz Meirelles | Fábio Campana

‘Se for necessário aumentar imposto, será aumentado’, diz Meirelles

meirelles

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse nesta terça-feira (7) que o governo vai aumentar impostos caso avalie que a medida seja necessária para atingir a meta fiscal do ano de 2017. Ele disse também que, se for preciso, haverá contingenciamento de gastos.

A meta fiscal para 2017 é de déficit primário de R$ 139 bilhões. Isso significa que o governo prevê que seus gastos vão superar a arrecadação com impostos neste valor. Essa meta não inclui despesas com pagamento de juros da dívida pública. As informações são do G1.

Meirelles deu entrevista após participar, no Palácio do Planalto, de reunião do chamado Conselhão, grupo que reúne representantes do governo, do empresariado e outros setores da sociedade civil. O ministro foi questionado por jornalistas se o governo avaliava aumentar impostos para cumprir a meta fiscal.

“Eu vou repetir aquilo que já disse em agosto do ano passado. Se for necessário aumentar imposto, será aumentado. Se for necessário contingenciar, será contingenciado. O que temos é o compromisso de cumprir a meta primária de 2017”, afirmou o ministro.

Segundo Meirelles, o governo fará “o que for necessário” para cumprir a meta. O ministro ainda garantiu que a meta não será revisada. “A resposta é sempre não. Mantemos o compromisso”, ressaltou Meirelles.

O ministro citou como exemplo a meta de 2016. Segundo ele, apesar do resultado do Produto Interno Bruto de 2016 ter sido “um pouco pior” do que o esperado, o governo conseguiu alcançar uma meta melhor do que a prevista.

“O efeito maior [da queda do PIB] se deu no ano passado e entregamos o resultado da meta melhor do que o esperado. Pelo menos o resultado primário foi melhor do que a meta”, afirmou.


11 comentários

  1. CURITIBANO ROXO
    terça-feira, 7 de março de 2017 – 16:02 hs

    Este ministro quer aumentar impostos para garantir o pagamento de juros aos seus patrões.

  2. terça-feira, 7 de março de 2017 – 16:13 hs

    meu Deus, aonde nos jogaram!

  3. Sergio Silvestre
    terça-feira, 7 de março de 2017 – 16:49 hs

    Notem pela imposição das mãos do Meireles o tamanho que é o fumo que voces estão levando no rabo,vão bater panelas,vão sair em passeata agora,cambada de otario.

  4. LENZA TOLEDO
    terça-feira, 7 de março de 2017 – 17:18 hs

    aumentar impostos, quando já são muitos, não seria inteligente da parte do governo. Deve haver uma outra porta de saída de emergência, com certeza.

  5. Fábio
    terça-feira, 7 de março de 2017 – 18:33 hs

    Só lembrando que a culpa principal disso é do PT, aliados e oposição da época do governo PT também tem a sua cota.

  6. Jorge Paredes
    terça-feira, 7 de março de 2017 – 19:42 hs

    A área economica do Brasil esta sitiada e gerida por prepostos de banqueiros que la estão para servir seus pupilos, que sadicamente comemoram sequências de lucros estratosféricos.

    Partindo da premissa de que ninguém rasga dinheiro e que lucros deveriam ser frutos de trabalho e ou produção, conclui-se o montante da riqueza desses canalhas é diretamente proporcional a miséria da população.

    Onde estão os idiotas que batiam panelas e aplaudiam a posse dessa quadrilha?

  7. PitBull
    terça-feira, 7 de março de 2017 – 20:05 hs

    VAGABUNDO, CORTAR GASTOS NEM PENSAR..
    PIMENTA NA ORELHA DOS OUTROS É REFRESCO…

  8. FUI !!!
    quarta-feira, 8 de março de 2017 – 7:08 hs

    Independente do tamanho do buraco em que o PT nos meteu, o
    Meirelles dizer que se preciso vai aumentar os impostos, já entrou
    na mesma linha do PT. Porquê que ele não diminui drasticamente
    os gastos do governo !!?? Bom pra ele é só no “rabo dos outros”…

  9. Fátima Souza
    quarta-feira, 8 de março de 2017 – 9:10 hs

    Querem que a população paguem o rombo que eles fizeram, não tem cabimento. Estamos fartos, espero que a população fique bem esperta, qualquer coisa aumenta impostos, cria novos. Chega, eles que arrumem o que detonaram.

  10. QUESTIONADOR
    quarta-feira, 8 de março de 2017 – 9:31 hs

    -Este senhor Henrique Meireles que aumentar mais imposto do que já pagamos??? Só pode ser brincadeira!!!
    -Quanto pagamos de impostos??? Uma verdadeira exorbitância, que é mal gerida, mal destinada e ainda alvo de corrupção…
    -E o Ministro da Economia ainda tem pretensão de ser candidato à Presidência da República??? Acho que seu nome nem será considerado pela população.
    -O que esperar de País em que os bancos batem recordes de lucro, todos os anos??? Quem paga estes lucros??? Quem se beneficia com esta política de juros altos???

  11. Jair Pedro
    quarta-feira, 8 de março de 2017 – 11:48 hs

    Percebo que tem alguém que já se manifestou, e pelo que escreveu fala por experiência própria. E como acha que sua felicidade por já ter provado o tamanho, quer que seu gosto seja o de todos.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*