País de trambiques | Fábio Campana

País de trambiques

O presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Gilmar Mendes, voltou a criticar na manhã desta sexta-feira (24) os vazamentos de informações sigilosas, destacando que isso enfraquece as instituições “como se o Brasil fosse um país de trambiques”.

“Eu deploro seriamente e exijo que nós façamos a devida investigação desse vazamento agora lamentavelmente ocorrido. Eu acho que isso fala mal das instituições. É como se o Brasil fosse um país de trambiques, de infrações”, disse o ministro em seminário sobre reforma política no tribunal. As informações são da Folha.

Mendes ressaltou que vai providenciar a investigação dos vazamentos de depoimentos de executivos da Odebrecht. “Isso não pode ser sistematizado. Ou se tem lei, ou se pede a divulgação e se quebra o sigilo. Agora, o vazamento feito por autoridade pública é crime e vamos investigar”. Nesta quinta (23), parte do depoimento de Marcelo Odebrecht, ex-presidente da empreiteira e herdeiro do grupo, foi revelado pelo site “O Antagonista”.


12 comentários

  1. Doutor Prolegômeno
    sexta-feira, 24 de março de 2017 – 14:53 hs

    Para nossa sorte, ainda há juízes em Berlim.

  2. ANDROID
    sexta-feira, 24 de março de 2017 – 14:59 hs

    – Corretíssimo! – É preciso colocar ordem na casa. E depois não querem a Lei de responsabilidade Funcional! – Quem deveria cuidar de nossa Democracia com zelo, a cada dia que passa mais a achincalha, com vazamentos de informações que deveriam permanecer em sigilo e ou buscas e apreensões e prisões preventivas descabidas e desnecessárias, a coagir e a intimidar.

  3. QUESTIONADOR
    sexta-feira, 24 de março de 2017 – 15:03 hs

    -O ministro Gilmar Mendes gosta de uma exposição mediática e não mede palavras(erradas?) em seus pronunciamentos….
    -Mas o que esperar do todo poderoso STF em comparação com o juizado de primeira instância? Apenas para constatar que a primeira instância está fazendo seu trabalho de forma exemplar, incansável e correspondendo aos anseios da população em observância às leis existentes.
    -Alguém lembra do Banco Opportunity e do Daniel Dantas???

  4. ferreira
    sexta-feira, 24 de março de 2017 – 17:05 hs

    O Brasil é sim o país dos trambiqueiros senhor togado supremo e grande culpa disto, talvez a maior, é por conta do poder que o senhor representa.

  5. eleitor desmemoriado
    sexta-feira, 24 de março de 2017 – 17:52 hs

    kkkk o ministro já está com medo de ele também passar a ser investigado pela Lava Jato. Com certeza andou falando o que não devia ao telefone e está com medo que o que disse seja brevemente divulgado. Hoje em Pindorama já vamos declarando inocência mesmo sem sermos acusados de nada.

  6. Rogerio
    sexta-feira, 24 de março de 2017 – 17:55 hs

    Não é só de trambiques, também de políticos corruptos, ministros bolivarianos, que nem ficam com o rosto vermelho ao defenderem esta corja de corruptos de Brasilia.

  7. Gero
    sexta-feira, 24 de março de 2017 – 18:49 hs

    País dos trambiques? Será que não é?

  8. EDILSON HUGO RANCIARO
    sexta-feira, 24 de março de 2017 – 19:56 hs

    O Ministro Gilmar Mendes Presidente do TSE e membro do STF, deveria deixar de pactuar com os investigados em viagens de jatinho com o Temer para fora do país, bem como se reunir constantemente com os principais investigados. É de lembrar que o vazamento das informações no momento, são realizadas justamente no TSE no qual é Presidente!!! Deveria administrar a coisa pública e não se dividir em dez, cuidando do TSE, do STF e de sua Universidade no qual é sócio.
    Falar é fácil, mas a intensão é direcionar o assunto aos advogados dos Srs. Lula, Dilma, Temer, Renan, e tantos outros, para que impeçam o prosseguimento da anulação das eleições e da Lava Jato….ele dá as dicas para os advogados.

  9. Moisés Fróes
    sexta-feira, 24 de março de 2017 – 22:07 hs

    Trambiqueiro, pilantra, é o Sr. min. Mendes ao criticar a Lava Jato e a PGR.

  10. Moisés Fróes
    sexta-feira, 24 de março de 2017 – 22:10 hs

    a TODOS os comentaristas: NÃO SE ESCONDAM ATRÁS DE APELIDOS E OUTROS CODINOMES.. não tenham medo, comentem com os seus próprios nomes.

  11. JOHAN
    sábado, 25 de março de 2017 – 16:22 hs

    Caro FÁBIO, mais uma vez o SUPREMO GILMAR MENDES do TSE e STF cometeu uma impropriedade ao afirmar que o BRASIL é um país de trambiques, confirmando a presença intensa de trambiqueiros, comparando-se aos demais brasileiros, que podem ser encontrados no TSE de onde vazou as notas das delações dos membros da ODEBRECHT. Já disse um ilustre líder da ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA PETISTA, que após o aprofundamento da OPERAÇÃO LAVA JATO, coordenada pelo ilustre juiz SERGIO MORO, de primeira instância, honesto, ético, imparcial, condenador dos bandidos indiciados e condenados pelos trambiques praticados, esta OPERAÇÃO teria prazo e cartas marcadas para atacar. Como as investigações estão muito próximo a certas lideranças nacionais, bateu a intranquilidade no SUPREMO. Não tenha pressa, será informado no momento adequado. Atenciosamente.

  12. Palpiteiro
    sábado, 25 de março de 2017 – 18:37 hs

    Tem gente que quer enforcar quem concorda com a opinião dominante, da moda, da mídia. Neste ponto Gilmar está coberto de razão. O Brasil é o país do trambique e da fuleiragem.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*