Negociação está na estaca zero, diz presidente do Sindimoc | Fábio Campana

Negociação está na estaca zero, diz presidente do Sindimoc

da Banda B

O Sindicato dos Motoristas e Cobradores da Grande Curitiba (Sindimoc) protocolou, na manhã desta quarta-feira (22), um documento pedindo ajuda ao poder público para pôr fim à greve do transporte coletivo. De acordo com o presidente da entidade, Anderson Teixeira, após a assembleia realizada ontem, todos os itens de negociação foram retirados de pauta e a situação voltou à estaca zero.

Ele ainda declarou que a orientação é de que 100% da frota circule hoje pela cidade, durante as 24 horas de trégua da paralisação. Um balanço da prefeitura indicou, no entanto, que por volta das 14h, esse número era de 89%. “No momento, não existe proposta alguma. Nós temos como objetivo buscar pela última recomendação da desembargadora decidida na audiência. O que queremos com o documento protocolado é sensibilizar o prefeito de Curitiba para que dê um sinal para a Urbs resolver essa situação”, disse Teixeira em entrevista à Banda B.


2 comentários

  1. JÁ ERA...
    quarta-feira, 22 de março de 2017 – 15:20 hs

    Independente de onde esteja a culpa da paralisação está na hora
    da justiça fazer valer a sua força e acabar com esta brincadeira. O
    povo Curitibano está sentindo na carne o que é ter o enfrentamento
    dos empresários do transporte e dos motoristas contra a justiça do
    trabalho. Se não for pelo bem que vá pelo mal mas que o povo não
    fique sem o transporte coletivo.

  2. Juca
    quarta-feira, 22 de março de 2017 – 16:41 hs

    Está na cara que esse Anderson Peixeira está fazendo política partidária com essa greve

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*