Justiça exige frota mínima | Fábio Campana

Justiça exige
frota mínima

A desembargadora Marlene Teresinha Fuverki Suguimatsu concedeu uma liminar determinando a circulação de frota mínima no período da greve de motoristas e cobradores em Curitiba e Região. Ou seja, 50% em horário de pico (das 5h às 9h e entre 17h e 20h) e 40% nos demais horários, o que equivale a 700 e 500 ônibus, respectivamente. Em caso de descumprimento a multa é de R$ 50 mil por dia.

Motoristas e cobradores entram em greve logo após o aumento da passagem para R$ 4,25, eles exigem reajuste no salário e no vale.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*