Reviravolta na eleição de Foz de Iguaçu | Fábio Campana

Reviravolta na eleição de Foz de Iguaçu

Uma reviravolta pode mudar eleição a prefeito em Foz do Iguaçu – marcada para 2 de abril. Uma petição será protocolada nesta segunda-feira, 13, no STF (Superior Tribunal Federal) e que vai defender uma nova data para o pleito. A sugestão é para a primeiro domingo de junho, dia 4. O recurso à alta corte vai argumento que se a eleição for em 2 abril, o prazo é muito exíguo para as articulações das alianças, convenções, escolha de candidatos pelos partidos e o tempo de campanha, cerca de um mês.

Em Foz do Iguaçu ainda se diz que a justiça eleitoral não terá tempo hábil para zerar (limpar) as urnas para a nova eleição, incluir os novos candidatos, distribuí-las, e ainda organizar os mesários e os locais de votação. O TRE-PR (Tribunal Regional Eleitoral do Paraná), porém, adianta que mada mudará no calendário eleitoral da cidade e que a eleição será em 2 abril.


Um comentário

  1. CLOVIS PENA - UMA FOZ LIMPA.
    domingo, 12 de fevereiro de 2017 – 11:02 hs

    Não faz diferença a data. O que importa é que os eleitos sejam limpos.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*