Muro de Brasília | Fábio Campana

Muro de Brasília

“Nem coxinha, nem mortadela. Somos todos pamonhas.”


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*