Aliados de Fruet inflam disputa para ouvidoria | Fábio Campana

Aliados de Fruet inflam disputa para ouvidoria

pedro-paulo-fruet-fernando-guedes

Rejeitados nas urnas, aliados do prefeito Gustavo Fruet (PDT) inflaram a disputa pela Ouvidoria de Curitiba – cargo que indicado em votação pela maioria dos vereadores. É o caso do vereador Pedro Paulo (PDT), o secretário Fernando Guedes (Trabalho) e o advogado Tarso Cabral Violin (PT) que figuram na lista dos 21 inscritos na disputa do cargo de ouvidor – salários equivalente a de um secretário municipal.

Nesta terça-feira, 29, termina o prazo para que os candidatos Curitiba entreguem os documentos que ainda faltam para confirmar as suas candidaturas ao cargo.

Os demais candidatos são: Alessandro Baum, Ana Luíza Sampaio Guedes Nocente, Carlos Alberto da Costa Macedo, Clóvis Costa, Cristiane Bariatto Andrade Fontes, Dalton José Borba, Dalva Maciel, Gustavo De Pauli Athayde, Luiz Carlos Betenhauser Junior, Luiz Reichmann Filho, Maurício de Oliveira Pinheiro, Maurício Arruda, Neemias Portela, Orlando Cardoso Silveira, Ricardo Rodrigues Ribeiro, Ricardo Tadao e Waldemar José Teodoro.


5 comentários

  1. Renato Britto Barros
    segunda-feira, 28 de novembro de 2016 – 11:40 hs

    Coitadinhos deles vão ficar sem o dim dim .
    Para a eleição de um cargo tão importante desse teria que a camara de Curitba ter um critério técnico e não apenas político.

  2. TADEU ROCHA
    segunda-feira, 28 de novembro de 2016 – 11:49 hs

    melhor de todos são……FERNANDO GUEDES EEEEE PEDRO PAULO SÓ.

  3. medonho
    segunda-feira, 28 de novembro de 2016 – 12:58 hs

    38 VEREADORES E AINDA QUEREM OUVIDOR

    I S T O É U M A V E R G O N H A COM DINHEIRO

    PÚBLICO.

  4. eleitor desmemoriado.
    segunda-feira, 28 de novembro de 2016 – 19:55 hs

    Pedir não é pecado, pecado é aceitar tamanha barbaridade. Porquê então também não criam o cargo de ex-vereador desempregado? Assim todo mundo fica na boa.

  5. medonho
    terça-feira, 29 de novembro de 2016 – 9:42 hs

    A sociedade tem de repudiar estas tentativas de meterem a mão no dinheiro público. estas figuras que pleiteiam o cargo deveriam sentir se envergonhados.
    Temos de criar sem custo um órgão de controle, pois, prefeitura é casa da mãe joana… todo mundo é dono.
    A sociedade com suas sociedade de classes que só sabem cobrar taxas corporativista, deveriam paralelamente ter um órgão de atuação nos excessos e dersperdícios de recursos publicos.
    O IPPUC CRIOU UMA RUA DESNECESSÁRIO, POIS, JÁ EXISTIA UMA DIRETRIZ QUE LIGAVA A PRINCIPAL UNS 300 METROS. NO ENTANTO, CRIARAM UMA COM NOVA ROTA 2KM DE PERCURSO E ELIMINARAM A MENOR.. DISPERDÍCIO OU INCOMPETENCIA. QUEM FISCALIZA????

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*