Pra já | Fábio Campana

Pra já

Painel, Folha de S. Paulo

O PT quer que o Senado aproveite o que chama de “fragilização da Lava Jato” após as operações contra Lula e Guido Mantega para desengavetar o projeto sobre abuso de autoridade e votá-lo logo após as eleições. Renan Calheiros sondou líderes, mas ainda resiste à ideia.


4 comentários

  1. JOHAN
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 10:10 hs

    Caro FÁBIO, os agentes políticos da ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA PETISTA, aliados aos membros do PMDB estão com intenção proposital de ” desestabilizar a jovem democracia brasileira”, com medias determinadas em proteger os grandes bandidos nacionais escondidos sob o manto dos cargos de senadores e deputados federais. A sociedade não pode ficar inerte e inativa aceitando pacificamente as articulações desses meliantes. A sociedade deverá aguardar 2018 para livrar-se desse câncer pernicioso da cleptocracia que deseja acabar com o Brasil. Atenciosamente.

  2. Branco Véio
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 10:13 hs

    Alguém divia preguntar pra Gleicy se ela tamén vai delatá!! É pegá ô largá, sinão vai puxá uns aninhos de xilindró, greicy!!!

  3. BETO
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 11:45 hs

    O melhor remédio contra esse câncer deve ser iniciado com um simples tratamento. Encosta o chefe da quadrilha no paredão em Praça pública, Sr. Lula da Silva e faz o que tem que fazer pra servir de exemplo pra todos aqueles que pretendem enriquecer as custas da miséria das pessoas, roubando a última moedinha dos cofres públicos.

  4. Olavo Rohde
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 15:07 hs

    O PT que comece a se “limpar” um pouco para depois vir a público pedir perdão e tentar reaver o “direito” de falar besteiras !

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*