Governo Temer suspende repasse a blogs pró-PT | Fábio Campana

Governo Temer suspende repasse a blogs pró-PT

da Folha de S. Paulo

O repasse de recursos do governo federal a sites e blogs pró-governo de Dilma Rousseff e pró-PT foi zerado desde junho com a chegada de Michel Temer à Presidência.

Levantamento da Folha na Secretaria de Comunicação da Presidência e em quatro estatais (Petrobras, Banco do Brasil, Caixa Econômica e BNDES) identificou poucos pagamentos em junho, como resíduos de maio.

Desde então, nenhum dos 13 sites listados pela reportagem recebeu dinheiro, segundo a Secom e as estatais.

Após o afastamento de Dilma da Presidência, em 12 de maio, Temer ordenou um pente-fino na publicidade.

Afirmou que “o dinheiro destinado à publicidade não deve financiar opinião, mas sim produtos jornalísticos de interesse público”.

De janeiro a dezembro de 2015, o conjunto desses sites e blogs havia recebido das mesmas fontes R$ 5,1 milhões. Entre janeiro e junho de 2016, o valor foi de R$ 1,54 milhão. Após esse período, nada foi liberado.

Na lista estão o Blog do Luís Nassif (R$ 746 mil), o Brasil 247 (R$ 732 mil), o Diário do Centro do Mundo (R$ 194 mil) e o Conversa Afiada (R$ 333 mil), do jornalista Paulo Henrique Amorim.

Os valores totais podem ser maiores, pois a Petrobras e a Caixa não forneceram os números divididos por recebedor, apenas o total.

O Banco do Brasil, por exemplo, pagou R$ 500 mil ao Blog do Nassif em 2015 e R$ 113 mil de janeiro a maio deste ano. Para o Brasil 247, foram R$ 491 mil no ano passado e mais R$ 120 mil nos cinco primeiros meses de 2016. O Conversa Afiada recebeu R$ 199 mil em 2015 e R$ 44 mil neste ano.

Desde maio, o BB não fez mais pagamentos. O banco diz que adota o critério de “cobertura, penetração e afinidade dos veículos”. A Caixa declara que, desde junho, “não tem investimentos” nesses veículos. O mesmo foi dito pela Petrobras.

A Secretaria de Comunicação diz que repassou, entre janeiro de 2015 e maio de 2016, R$ 870 mil ao grupo.

Os mais bem pagos foram Blog do Nassif (R$ 132 mil), Brasil 247 (R$ 120 mil), Diário do Centro do Mundo (R$ 129 mil), Portal Fórum (R$ 109 mil), Conversa Afiada (R$ 88 mil) e O Cafezinho (R$ 39 mil).

“A partir de maio de 2016 não foram mais programadas veiculações nos veículos citados. Eventuais pagamentos realizados após essa data são referentes às veiculações anteriormente autorizadas”, disse a Presidência.

O BNDES afirma que não há previsão de repasses a esses sites em 2016. Juntos, eles receberam R$ 504 mil em 2015 em razão da campanha “BNDES Transparente”.

A verba foi distribuída também para 32 jornais, incluindo Folha, “O Globo” e “O Estado de S. Paulo”.

OUTRO LADO

Desde maio, quando começaram os cortes, os atingidos têm se manifestado.

Com o título de “querem calar a nossa voz!”, Paulo Henrique Amorim reproduziu texto da Carta Maior afirmando que uma das primeiras medidas “do governo interino –e ilegítimo– de Temer foi o cerceamento da mídia alternativa no Brasil”.

Em entrevista ao portal da Revista Imprensa, em julho, Luís Nassif disse que os cortes são “censura política”.

Os 13 sites pesquisados pela Folha são: Brasil 247, Carta Maior, Conversa Afiada, Diário do Centro do Mundo, Site Jornal GGN (Blog do Luís Nassif), Portal Fórum, Opera Mundi, Brasil Econômico, O Cafezinho, Portal Fórum, Sidney Rezende, Viomundo e Brasil de Fato.


10 comentários

  1. AMO
    quinta-feira, 29 de setembro de 2016 – 8:25 hs

    Acabou a mamata prós malandros.

  2. BETO
    quinta-feira, 29 de setembro de 2016 – 8:49 hs

    É mesmo ridículo repasses a Blogs PRO QUADRILHA.
    Cota tudo o que se tratar a beneficiar esta facção criminosa, arruaceiros seguidores do câncer Lula da Silva.
    PRO INFERNO LULA

  3. Juca
    quinta-feira, 29 de setembro de 2016 – 8:58 hs

    É isso aí, se a petezada quiser que pague os blogueiros e jornais, que peça para Lula e família financiar com parte do dinheiro furtado ou que faça uma vaquinha nos moldes daquela em favor de Dilma. O governo legítimo de Temer não tem obrigação de ficar sustentando inimigos.

  4. quinta-feira, 29 de setembro de 2016 – 9:20 hs

    gostei da parte ” desde junho não tem investimentos nesses veículos”
    só por Jesus mesmo !

  5. QUESTIONADOR
    quinta-feira, 29 de setembro de 2016 – 11:29 hs

    -O Governo Federal sério não poderia jamais financiar sites,blogs e outros meios de divulgação em que há propaganda de ideologias facistas, comunistas, esquerdistas. Na minha modesta opinião, isso se compara a propaganda de exaltação ao nazismo. É a mesma analogia: o nazismo, regime ditarorial que levou o mundo quase ao desastre completo ceifando milhares de vítimas pode ser considerado de menor intensidade face aos regimes esquerditas impostos por países mundo afora: apenas para comparar: União Soviética: 20 milhões de mortos – China: 70 milhões de mortes – Cuba: 120 mil mortos – Camboja: 2,2 milhões de mortos – Romênia: 60.000 mortos – Bulgária: 50.000 mortoso – RDA: 80.000 mortos – Coréia do Norte: 3 milhões de mortos – Vietnã: 200.000 mortos.
    -Como vemos o comunismo/marxismo/stalinismo/socialismo não é um dos melhores regimes políticos, muito longe disso, deveria ser considerado como o nazismo!!!

  6. nassifu
    quinta-feira, 29 de setembro de 2016 – 12:46 hs

    Esses blogueiros penas-paga, mãos peludas da Organização Criminosa em processo de desmanche, são cúmplices de crimes, e devem ser enquadrados por formação de quadrilha, corrupção passiva. Alguns deles serão chamados a dar explicações sobre suas cotas de pixulecos. No caso de Nassif é preciso também verificar suas pendências com o BNDES e com a Petrobras, onde mantinha um contrato de cerca de R$ 1,8 mi por ano. Seria o caso do Ministério Público criar uma força tarefa específica para apurar como esta gente enriqueceu tão rapidamente. Esta é uma grana que poderia ser resgatada até para reparar os crimes que praticaram em nome da liberdade.

  7. eleitor desmemoriado.
    quinta-feira, 29 de setembro de 2016 – 15:08 hs

    Ká ká ká assim até eu fico na boa, recebendo para babar no saco do pestismo é fácil. Quero ver como o Nassif vai fazer agora, vai continuar no Fora Temer e cair na real? Mas sorte tem o biógrafo do dono da igreja, ele é empregado do cara, e o resto que só vivia da babação de ovo pestista, vão babar no ovo de quem agora? E aí Esmael, a coisa está boa para o teu lado, tigrão? Conta aí como a vida é boa depois que a fonte secou.

  8. quinta-feira, 29 de setembro de 2016 – 18:39 hs

    Boa notícia ! Esses bloguinhos só faziam terrorismo e com NOSSO DINHEIRO.

    Precisa também acabar com as 12 mil ONGs criadas no DESgoverno petista com NOSSO DINHEIRO para não fazer nada , além de cultuar o CHEFE

  9. Antonio Alves
    quinta-feira, 29 de setembro de 2016 – 21:29 hs

    E quanto recebeu a folha, a empresa que está denunciado os blogs? E a globo? e o uol? e o veja? Pera, vamos responder:

    1. Globo – 400 milhões de reais.
    2. Uol – 15 milhões de reais.
    3. Veja – 20 milhões de reais.

    Ninguém ai tem moral para estar falando de ninguém não.

  10. DAGC
    terça-feira, 18 de outubro de 2016 – 15:12 hs

    Antonio Alves

    agora compara o valor repassado a Globo e compara com o numero de visitantes que a G1/GLOBO recebe e compara com a quantidade de visitantes que o DCM recebe…

    o valor pago por visita é muito mais alto mesmo em se tratando de 500 MIL do lado dos blogzinhos, pois alguns deles, so recebem 50 mil visitas unicas, 100 mil visitas, ao contrario do G1, que tem 20 milhoes de visitantes!

    Ambas as propagandas estao erradas, mas só uma faz sentido no termo mais tecnico!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*