'Eu queria ser prefeito sem lei de responsabilidade fiscal', diz Fruet | Fábio Campana

‘Eu queria ser
prefeito sem lei de responsabilidade
fiscal’, diz Fruet

fruet-2

“Eu quero deixar muito claro para a cidade que o pior já passou. Eu sei que muitas pessoas tinham uma expectativa: ah eu esperava mais, esperava que fosse feito isso, esperava o metrô. Eu também queria ser prefeito sem lei de responsabilidade fiscal, sem crise econômica, sem crise política, com orçamento, com dinheiro.”

Do prefeito Gustavo Fruet (PDT) em entrevista ao jornal Metro Curitiba.

(foto: Rodrigo Felix/Metro)


4 comentários

  1. Cesar
    segunda-feira, 19 de setembro de 2016 – 11:16 hs

    O Fruet segue a mesma cartilha da Dilma:destruir a Lei de Responsabildade Fiscal,gastar todo o dinheiro público com salários dos companheiros,e falir o País…
    Tchau,Fruet!

  2. Viezzer
    segunda-feira, 19 de setembro de 2016 – 11:19 hs

    Passe esse abacaxi pra outro.

  3. BETO
    segunda-feira, 19 de setembro de 2016 – 11:41 hs

    Pois é PETISTA FRUET, administrar uma cidade do tamanho de Curitiba não é pra qualquer um. Você tem que se adequar as Leis e a Lei de Responsabilidade Fiscal, aquela tanto criticada pelo seu chefe Lula da Silva e pelo partido que o apoiou (PT), tem que ser cumprida. Se você não consegue administrar Curitiba dentro da Lei, CAI FORA, desocupe o cargo e deixe pra quem sabe aliás, você já demonstrou que NÃO SABE.

  4. miguel
    segunda-feira, 19 de setembro de 2016 – 16:29 hs

    Tudo novidade que apareceu após sua eleição?! Não. então chore na cama que é mais confortável… e vai pra casa aprender a administrar.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*