Candidatos evitam correr riscos no último debate | Fábio Campana

Candidatos evitam correr riscos no último debate

debate-rpc

do Bem Paraná

Seis dos oitos candidatos à prefeitura de Curitiba fizeram ontem à noite, na RPC, o último debate transmitido pela TV antes do primeiro turno das eleições, no domingo. Gustavo Fruet (PDT), Maria Victoria (PP), Ney Leprevost (PSD), Rafael Greca (PMN), Requião Filho (PMDB) e Tadeu Veneri (PP) se arriscaram pouco, não tocaram nos temas mais polêmicos da campanha e procuraram se limitar a propostas. Xênia Mello (PSOL) e Ademar Pereira (PROS) não foram convidados pela emissora.

Com pouco tempo para respostas e réplicas e com dois blocos com temas sorteados pelo mediador, os candidatos acabaram deixando de lado os assuntos que mais geraram embates ao longo da campanha.


10 comentários

  1. Branca Miranda
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 8:02 hs

    O Ney parecia um guarda roupas aberto. Figura quadrada. Não estava.bem, como sempre…..O Fruet, como sempre, mentindo, mentindo……acha o cidadão um trouxa

  2. Mauro Monteiro
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 8:19 hs

    Ontem decidi a votar no Ney. Nem Fruet , nem Greca, tem que sair deste circulo vicioso. Bando de mentirosos! Chega de PT e companhia

  3. Cesar
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 8:49 hs

    Ontem ficou muito claro que o único candidato que tem condições de gerir Curitiba é Rafael Greca.
    O pior de todos é o Requião-miniatura,sujeito raivoso e desprovido de sinapses cerebrais…

  4. Dosel Jr.
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 9:04 hs

    Se existiam dúvidas com o debate da RPC elas acabaram.
    Rafael Greca deu um show de conhecimento dos problemas da cidade. Como é autor da maioria das coisas boas que ainda estão em pé, e por ser engenheiro civil urbanista, teve seu crédito junto da população aumentado em muitos pontos.
    O Fruet, por não ter mais nenhuma falácia a mostrar, ficou naquela de contar coisas que nem ele acredita que fez.Agora é só apertar 33 e confirmar que Curitiba vai voltar a sorrir. Quanto ao Ney Leprevost vai ficar para outra oportunidade e quanto ao Requião Filho só quando ele deixar as fraldas. Os demais,… bem os demais que retornem para suas casas, já tiveram seus minutos de fama.

  5. Estatística
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 9:59 hs

    Quem ganhou o debate???

    Quem foi dormir cedo. Eita rame-rame que não vai a lugar nenhum,

  6. Astor
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 11:54 hs

    Todos candidatos não prestam.
    Votaremos naquele que pode ser menos nocivo pra nós.

    Fruet – inerte, inoperante , cheio de %%%, se diz superhonesto, acho que é, mas manda seus capachos fazerem as coisas feias.

    NEY – riquinho metido a sabe tudo – muito fraco como deputado,
    fala bem, com sotaque, podera ser um secretario, talvez da saude.

    Victória – va pra casa, burguesinha, ainda não é seu tempo, qdo se desgarrar do papai e da mamãe, ai sim, estude bastante.

    Tadeu -o melhor – porém o partido te condena – virão com o abutres caso voce vença – virou o pior.

    JR – ainda não, por milagre é deputado, muda o estilo e daqui a uns 20 anos talvez.

    Rafael – fala e depois pensa o que falou, se diz culto, mas culto é quem sabe ouvir e não quem fala igual a um papagaio.mas é ousado e sem ousadia estariamos morando nas cavernas ainda.

    portanto senhoras e senhores decidam.

  7. Suely Walter
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 11:58 hs

    O Ney tem só tem 2 respostas par qualquer pergunta: “Vou abrir a caixa preta da URBS” e “Vou desatar os nós do transito de Curitiba”. Fraquíssimo. O Fruet: ” A culpa é d …”. Engandor1

  8. medonho
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 12:00 hs

    Política é isso aí, minha gente, ganha quem melhor manipula o jogo e conseguir entusiasmar o eleitor sem dar muitas explicações.

    O greca parece a fantasiosa figura do “MAL” pinguim do filme dE batmAn e robin, bem SARCÁSTICO, VAI dar uma nova cara para gordon city (curitiba).

    Política parece mais não é. ENQUANTO O POVÃO ACHARMOS QUE O SUFRÁGIO UNIVERSAL, sistema FALIDO para eleger GRUPOS DOMINANTES QUE MANTEM ESCRAVIZADA A MAIORIA, com o poder inócuo de um voto estaria dando destino aos rumos políticos.
    Não temos o controle e, mesmo com a suposta transparência, prevalece a impunidade, mentira, e a incompetencia exacerbada de candidatos modelo JUSTO VERÍSSSIMO.

  9. A CULPA E DO FHC
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 13:12 hs

    SE NÃO FOI O PIOR, COM CERTEZA ESTÁ ENTRE OS PIORES DEBATES REALIZADOS NOS ÚLTIMOS 25 ANOS.

    CANDIDATOS TOTALMENTE DESPREPARADOS!

    SÓ SE APRESENTAM PROPOSTAS GENÉRICAS, SEM SUSTENTAÇÃO.

    SÃO VLST, VLP, CRECHES E SEUS HORÁRIOS, GUARDA MUNICIPAL MELHOR APARELHADA…

    MAS QUAL É A FONTE DE RENDA PARA DAR SUSTENTAÇÃO A ESSAS PROMESSAS??

    REPETIU-SE O JOGRAL DO DEBATE DA RIC, OS QUATRO DEPUTADOS ESTADUAIS ASSUMINDO UMA POSTURA DE COMPADRIO “JOGO DE COMPADRES E UMA COMADRE”.

    GUGA MORRENDO DE MEDO DE NÃO IR PARA O SEGUNDO TURNO!! – NO POPULAR SE BORRANDO!

    GRECA TENTANDO DE TODAS AS FORMAS “LIMPAR O VÔMITO” DA SUA CAMPANHA.

    REQUIÃO Ô COITADO, NÃO SABE NEM DO QUE ESTÁ FALANDO!!

    FALTOU REALMENTE O CONFRONTO DE IDEIAS, IDEIAS FACTÍVEIS, PROPOSTAS COERENTES, EXPERIÊNCIA DE VIDA NA CIDADE DE CURITIBA, NÃO CITAÇÕES VAZIAS!

  10. Paulo
    sexta-feira, 30 de setembro de 2016 – 13:19 hs

    Eu não perdi uma boa noite de sono para ficar ouvindo a fala dos mesmos…..estamos e ferrados com qualquer um que vencer a eleição.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*