Evo Morales diz que vai retirar embaixador no Brasil se impeachment for aprovado | Fábio Campana

Evo Morales diz que vai retirar embaixador no Brasil se impeachment for aprovado

BOLIVIA-INAUGURATION-MORALES

O presidente da Bolívia, Evo Morales, afirmou nesta terça-feira, 30, que vai retirar o embaixador boliviano José Kinn do Brasil se o impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff for aprovado nesta quarta, 31.

Ele disse que “se prospera um golpe parlamentar contra o governo democrático de Dilma” e que a Bolívia “defende a paz e a democracia”. A Dilma, a quem chama de irmã, diz que com o “processo injusto pretendem conter a rebelião do seu povo e expulsar os pobres, negros e mulheres do poder”.

De acordo com Morales, a “luta de Dilma” é a mesma que livra os povos na América Latina e no mundo “contra o poder econômico de poucos”. As informações são do Estadão.

Morales ainda escreveu que o único juiz que pode sancionar a conduta política de um presidente é seu povo. “Antes os golpes de Estado eram executados por militares pró-imperiais. Hoje, os golpes de Estado são congressionais, judiciais ou midiáticos.”

Morales. Evo Morales é presidente da Bolívia desde 2006 e faz uma linha mais populista, sempre com o apoio de Dilma e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Entretanto, o governo está envolvido em escândalos de corrupção e também sofre uma grande queda de popularidade.

Um referendo convocado para mudar a Constituição e permitir que ele se elegesse pela quarta vez, em 2019, foi rejeitado pela população no primeiro semestre deste ano.


18 comentários

  1. medonho
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 10:15 hs

    O Pais da cocaína e um governo ditador, sobrevivem graças aos reais dos bolivianos paulistas. Não tem moral para falar, quando seus atos desmentem. Clone do Hugo Chaves e não sabe aproveitar as imensas riquezas, quando o povo vivem a maior desigualdade.
    Quando o poder permanece nas mãos de um único partido é preciso questionar os meandros de sua permanência.

  2. jaferrer
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 10:23 hs

    Esse índio cocaleiro que, diga-se de passagem, não é índio!, deveria devolver a refinaria da Petrobras que assaltou anos atrás. Os escândalos em que ele está envolvido (seus apoiadores mineiros acabam de matar um de seus ministros, só como exemplo de descalabro) decretarão o fim de seu governo populista em bem pouco tempo. A América do Sul, finalmente, está se livrando dessa corja populista, bolivariana e pseudo-democrata.

  3. Mario Oliveira
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 10:41 hs

    CERTAMENTE A BONECA TÁ COM MEDINHO… AFINAL, JÁ FORAM LUGO, CRISTINA, DILMA,… FALTA UM CAIR DE MADURO…

  4. Juca
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 10:50 hs

    Acabou a mamata cocaleiro sem vergonha. Aproveite e leve Dilma para a Bolívia e dê emprego para ela como ministra da fazenda.

  5. BETO
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 11:01 hs

    Quadrilheiro canalha. O projeto do PT já era.

  6. Dionleno Silva
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 11:02 hs

    Quanto que é passagem? Pagamos já!!! E se puder levar junto os xaropes que ficam tocando aquelas malditas músicas na XV agradecemos!

  7. Dosel Jr.
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 11:18 hs

    Retirar o embaixador da Bolívia do Brasil? Que coisa séria minha gente. Vamos cair numa frustração muito grande e eu acho até que depois de ter esta notícia não vou conseguir dormir, de tanto que fiquei surpreendido. Vá catar coquinho na porta do cemitério meu caro Morales. Está achando que é o rei da pamonha? Leva seu embaixador e não mande outro, por favor. E, se possível, leve a Dilma junto que vou ficar feliz.

  8. Do Interior
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 12:01 hs

    É um favor sumir daqui.

    Tá com dó? Leva o LuLLão e o Dilmão para seu país.

  9. Vilmar
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 12:09 hs

    Brigar com a Bolívia só se valer tapas
    com três dedos.

  10. CURITIBANO
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 12:14 hs

    o maior plantador de cocaina do mundo, ele que roubou o patrimonio da petrobras , agora esta querendo intervir na politica do Brasil. ele que faça bom uso da embaixada quem sabe eles parem de “chopinzar”o povo Brasileiro

  11. cllarice
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 12:46 hs

    JÁ VAI TARDE……………

  12. iri
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 14:28 hs

    Bem típico de guerrilheiro, o sujo falando em prol do mau lavado.

  13. Tarzan
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 14:37 hs

    Faz muito bem! Tchau querido……

  14. eleitor desmemoriado.
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 15:40 hs

    Este líder indígena é muito cara de pau, mas ele é assim porque nos roubou uma refinaria de petróleo e nem nos demos ao trabalho de reclamar. Mas estes tempos acabaram, hoje não vamos mais levar desaforos como este para casa. Se não está gostando da nossa amizade, líder indígena, temos outros amigos que dela gostam.

  15. eleitor desmemoriado.
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 15:40 hs

    Este líder indígena é muito cara de pau, mas ele é assim porque nos roubou uma refinaria de petróleo e nem nos demos ao trabalho de reclamar. Mas estes tempos acabaram, hoje não vamos mais levar desaforos como este para casa. Se não está gostando da nossa amizade, líder indígena, temos outros amigos que dela gostam.

  16. Marcos
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 15:40 hs

    Safado, primeiro devolva a PETROBRAS, que foi um dos primeiros assaltos praticados pelos bolivarianos

  17. Caçador de Javali
    quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 18:55 hs

    Vai mesmo e leva pra Bolívia o Lula, a Gleisi, a Dilma e o Requião. De lá pode despachá-los para a Venezuela ou para Cuba.

  18. Helena
    quinta-feira, 1 de setembro de 2016 – 14:51 hs

    Isso mesmo, ficaremos livres desse país fornecedor de drogas para o Brasil.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*