Custo Gleisi | Fábio Campana

Custo Gleisi

Gleisi-Hoffmann-divulgação

O Antagonista

A PF encontrou um elo entre a Focal, acusada de ter lavado dinheiro para a campanha de Dilma Rousseff, e um assessor de Paulo Bernardo, Zeno Minuzzo.

Um relatório da Custo Brasil, obtido pelo Estadão, “levanta suspeita sobre transações de remessa de materiais de campanha para Zeno Minuzzi, em 2014, e indica uma possível sonegação de informação sobre a prestação de serviço para as campanhas de Dilma e da senadora Gleisi Hoffmann”.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*