Paraná amplia e reforma 14 penitenciárias | Fábio Campana

Paraná amplia e reforma 14 penitenciárias

índice

A Secretaria da Segurança Pública finalizou a adequação dos projetos para a implantação de uma série de construções e ampliações no sistema prisional do Paraná. As obras, que contam com recursos federais, devem começar ainda em junho. São 14 obras que vão aumentar em 6.756 as vagas no sistema penitenciário – totalizando mais de 25 mil vagas nos presídios paranaenses. O cronograma traçado pela segurança estima para até 2018 a conclusão das obras em cadeias e penitenciárias de sete cidades – Londrina, Guaíra, Foz do Iguaçu, Piraquara, Cascavel, Cruzeiro do Oeste e Guarapuava. Dez das 14 obras estarão prontas em 2017 restando quatro a serem entregues no ano seguinte.

“A Secretaria da Segurança está ciente do problema de presos em delegacias. O número de detentos em delegacias já foi de mais de 16 mil, hoje são cerca de 9 mil – ou seja, cerca de 7 mil já foram retirados. As Polícias Civil e Militar não vão se furtar de prender os que cometem crimes contra os paranaenses. A solução definitiva para acabar com este problema é este planejamento de obras de ampliação e novas construções de penitenciárias”, disse Wagner Mesquita, secretário de Segurança.

O valor global das 20 obras previsto era de R$ 135 milhões – R$ 104 milhões do governo federal e R$ 31 milhões como contrapartida do Estado. O valor final, no entanto, deve ficar menor uma vez que serão 14 obras – resultando em abertura de mais vagas. “É importante destacar que estes recursos, tanto da União quanto do governo do Paraná, já estão assegurados numa conta da Caixa Econômica Federal”, explica Mesquita.


2 comentários

  1. Ex-funcionário
    domingo, 5 de junho de 2016 – 22:09 hs

    BOM REFORMAR AS 14 PENITENCIÁRIAS… LOGO… LOGO VAI COMEÇAR A LOTAR DE POLÍTICOS…

  2. VISIONÁRIO
    segunda-feira, 6 de junho de 2016 – 5:11 hs

    Bola branca !!! Ainda vai faltar vagas. Para os corruptos do PT é
    bom separar as Prisões mais velhas.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*