Experiência do setor privado pode ajudar a melhorar gestão do SUS | Fábio Campana

Experiência do setor privado pode ajudar a melhorar gestão do SUS

SUS_competitivo

O setor privado poderá colocar sua experiência de gestão a serviço do Sistema Único de Saúde (SUS), cujos ganhos em eficiência trariam grandes benefícios para os usuários. Uma proposta de transferência de know-how foi discutida entre o ministro da Saúde, Ricardo Barros, e o Movimento Brasil Competitivo (MBC), que reúne diversas empresas do País.

“É preciso melhorar a qualidade do serviço prestado à população. Trago nossa experiência para ajudar a aumentar a produtividade no setor público. Podemos melhorar até 30% a produtividade da saúde pública com os recursos que já temos”, disse o empresário Jorge Gerdau, um dos participantes da reunião no Ministério da Saúde. Além de presidente do Conselho Superior do MBC, o empresário faz parte do Conselho Consultivo da Gerdau.

“Toda ajuda para melhorar a gestão das verbas públicas é bem vinda. Estou montando uma equipe com pessoas que tenham vocação para o serviço público e que nos ajudem a fazê-lo funcionar com mais eficiência”, frisou o ministro Ricardo Barros. Uma proposta de parceria ainda está em fase de formatação.


6 comentários

  1. ELEITOR PARANAENSE
    terça-feira, 7 de junho de 2016 – 16:33 hs

    É ISSO AÍ MINISTRO TEM QUE BUSCAR ALTERNATIVAS VIAVEIS PARA SOLUCIONAR OS PROBLEMAS , E NÃO FICAR ARRUMANDO JUSTIFICATIVA PELA INOPERANCIA COMO OUTROS FAZEM. PARABENS

  2. sergio silvestre
    terça-feira, 7 de junho de 2016 – 20:29 hs

    Privatisar o SUS depois de privatisar a educação etc,quaquaqua,ninguém fala em privatizar a justiça,

  3. Indignada
    terça-feira, 7 de junho de 2016 – 22:09 hs

    Uma idéia que já nasce forte!

  4. ricardo crovador
    quarta-feira, 8 de junho de 2016 – 1:43 hs

    Só não chamem os administradores dos planos de saúde, campeões nacionais de queixas, processos e denúncias de clientes.

  5. morador do centro
    quarta-feira, 8 de junho de 2016 – 8:22 hs

    Concordo com a busca de novas soluções, o SUS infelizmente perante a ineficiência das gestões municipais, cultura da corrupção , dimensão continental, imensa população carente e desde o descobrimento acostumada ao assistencialismo e uma Constituição Federal utópica tanto na saúde universal gratuita quanto a outros benefícios sociais concedidos, transformados em muito em voto de cabresto.

  6. xiru de palmas
    quarta-feira, 8 de junho de 2016 – 11:24 hs

    Entre aspas: “PRIVATIZAÇÃO DO SUS”

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*