PPL quer Requião, diz presidente Miguel Manso | Fábio Campana

PPL quer Requião, diz presidente Miguel Manso

Miguel Manso, presidente do Partido Pátria Livre (PPL) no estado de São Paulo, partiu em defesa do senador Roberto Requião (PMDB), “Seria uma honra para o nosso partido ter o Senador em nossas fileiras e representando nosso partido em qualquer esfera em que o Senador desejasse.” Manso, que também é Secretário Nacional de Organização do PPL, recordou que conhece Requião de longa data, “Nossa amizade é antiga, construída na luta em defesa do povo brasileiro”.


9 comentários

  1. Chico Ambrósio
    segunda-feira, 2 de maio de 2016 – 16:46 hs

    Isso não vai dar certo : O Manso com o Louco. Quando acho que já vi tudo…. Oportunista de plantão.

  2. Juca
    segunda-feira, 2 de maio de 2016 – 19:09 hs

    Quem também quer a Maria Louca é o PCC.

  3. segunda-feira, 2 de maio de 2016 – 20:10 hs

    O fim do caboclo….. junto com a Alzimara e Mario Bacelar rsrsrsrsrs é o fim do louco rsrsrsrsrsrs PMDB vai ficar livre da família!

  4. Excaravélho
    segunda-feira, 2 de maio de 2016 – 21:09 hs

    Leve-o, inclusive para a própria cama!

  5. Carlos
    segunda-feira, 2 de maio de 2016 – 22:56 hs

    Já que ele é chegado numa mamona, achei que quem o quisesse fosse o Partido Verde.

  6. Jose Teixeira
    segunda-feira, 2 de maio de 2016 – 23:05 hs

    Pra nâo perder a piada: Tem manso pra tudo – aquele manso que todo mundo conhece e os outros… pra convidar Requiâo, o dito manso deve ser um manso completo. Haja mamona…

  7. TROLL
    terça-feira, 3 de maio de 2016 – 5:35 hs

    Ótimo!
    É o caminho mais curto para a extinção.

  8. PIMENTA PURA
    terça-feira, 3 de maio de 2016 – 5:55 hs

    O PPL precisa mudar de nome. Partido Popular do Lixo para Par-
    tido da Caçamba de Lixo (PCL) com o ingresso do Requião.

  9. Recruta Zero
    terça-feira, 3 de maio de 2016 – 11:19 hs

    O manso já está mentindo. Se conhece o velhote de longa data não poderia ter feito tal convite, pois saberia dos atos tresloucados cometidos abundantemente pela figura decrépita.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*