Pânico fez Machado buscar acordo de delação | Fábio Campana

Pânico fez Machado buscar acordo de delação

SÈrgio Machado

O ex-senador Sérgio Machado entrou em pânico e passou a tentar acordo de delação após os mandados de busca e apreensão em sua casa, em Fortaleza, no dia 15 de dezembro. A busca não repercutiu porque aquela fase da Lava Jato, a Operação Catilinárias, tinha alvo mais ilustre: ninguém menos que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, cuja residência oficial foi vasculhada pela Polícia Federal. A informação é do colunista Claudio Humberto, do Diário do Poder.

Após a busca em sua casa, Sérgio Machado mudou o número do celular e sumiu. Familiares diziam que ele estava morando no exterior.

Após três meses sumido, Sérgio Machado reapareceu procurando velhos amigos e “alvos”, entre os quais Jucá, Calheiros e Sarney.

Indagado por que bancou Sergio Machado presidindo a Transpetro por 11 anos, Renan Calheiros desconversa. Só falta negar que o conhece.


6 comentários

  1. Sergio Silvestre
    terça-feira, 24 de maio de 2016 – 13:41 hs

    Olha,eu até admito que muitos que comentam aqui tem até razão em reclamar do governo PETISTA.
    Mas a corrupção está ate no Supremo,onde tudo deveria ser as claras,temos lá ministro partidário que vive a sombra das falcatruas e está ali para livrar bandidos políticos.

  2. Vajra Prema
    terça-feira, 24 de maio de 2016 – 14:28 hs

    MÍDIA ESCONDE ÁUDIO ONDE MACHADO FALA EM PROTEGER LULA. A mídia está desesperada tentando esconder o momento do áudio em que Romero Jucá e Sérgio Machado citam a tentativa frustrada de Dilma de proteger Lula (por estar queimada demais) e a possibilidade de sua saída resultar em proteção de Lula: Confira:
    JUCÁ – [Em voz baixa] Conversei ontem com alguns ministros do Supremo. Os caras dizem ‘ó, só tem condições de [inaudível] sem ela [Dilma]. Enquanto ela estiver ali, a imprensa, os caras querem tirar ela, essa porra não vai parar nunca’. Entendeu? Então… Estou conversando com os generais, comandantes militares. Está tudo tranquilo, os caras dizem que vão garantir. Estão monitorando o MST, não sei o quê, para não perturbar.
    MACHADO – Eu acho o seguinte, a saída [para Dilma] é ou licença ou renúncia. A licença é mais suave. O Michel forma um governo de união nacional, faz um grande acordo, protege o Lula, protege todo mundo. Esse país volta à calma, ninguém aguenta mais. Essa cagada desses procuradores de São Paulo ajudou muito. [referência possível ao pedido de prisão de Lula pelo Ministério Público de SP e à condução coercitiva ele para depor no caso da Lava jato] – CONFIRA ÁUDIO: http://g1.globo.com/politica/noticia/2016/05/leia-os-trechos-dos-dialogos-entre-romero-juca-e-sergio-machado.html

  3. toninho
    terça-feira, 24 de maio de 2016 – 15:01 hs

    O cidadão do comentário sabe tudo. Muito mais do que daqueles que tem as gravações em mãos. Elocubrações são permitidas pois fazem parte da democracia. Mas não é fácil aguentar.

  4. JOHAN
    terça-feira, 24 de maio de 2016 – 17:36 hs

    Caro FÁBIO, o mundo passou por inúmeras LIMPEZAS ÉTNICAS na Africa, na Europa, na Alemanha Nazista. O Brasil para ser uma NAÇÃO de expressão mundial, necessita passar por uma LIMPEZA ÉTICA da classe política. É inadmissível, escandaloso ouvir o Senador JUCÁ, falar o termo NOVA CASTA de políticos para os novos que serão eleitos na sequência. Ele não tem escrúpulo. É mais um BANDIDO como os demais da ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA PETISTA, do PMDB, PP, e demais partidos nanicos. Há necessidade da sociedade fazer um PACTO a favor do NÃO ACORDÃO para livrar políticos inescrupulosos e corruptos dos mandatos. Os diretórios partidários municipais e seus dirigentes são os responsáveis por fornecer o estribo para os políticos montarem na sociedade e fazer correr as esporas. Há necessidade de cobrar honestidade e seriedade das lideranças municipais. Atenciosamente.

  5. Dartagnan
    terça-feira, 24 de maio de 2016 – 23:50 hs

    Como é que militantes fanáticos denunciam corrupção no supremo se foram os corruptos do pt que colocaram lá 2/3 dos ministros? Olhar para o próprio umbigo e confessar que são ladrões, batendo no peito e pedindo perdão ao povo que eles enganaram, isso eles não são capazes de fazer. É muita arrogância!

  6. Juca
    quarta-feira, 25 de maio de 2016 – 11:28 hs

    Parecido com o Deputado Silvio Costa do PTdoB. Não seriam irmãos?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*