Acima de qualquer suspeita | Fábio Campana

Acima de qualquer suspeita

índice
Mary Zaidan

Colocado na berlinda por políticos desavergonhados, o Supremo Tribunal Federal cada vez frustra mais os que imaginavam a Corte maior como salvaguarda para os seus crimes. Ao contrário. Goste-se ou não deles, os ministros do STF têm mantido posição acima de qualquer suspeita.

Nas gravações que indicam tentativas de interferir na Lava-Jato, todos os investigados, sem exceção, exibem laços próprios ou de fulano e sicrano com ministros do Supremo. A alegada proximidade não tem alterado nem o escopo nem o curso das investigações.

Na delação bomba de Delcídio do Amaral, o presidente do STF, Ricardo Lewandowski, aparece como quem se negou a um acordão para salvar a presidente Dilma Rousseff e seus aliados, antes de ela ser afastada. A proposta, segundo o ex-líder petista, teria sido feita durante a reunião sigilosa e ainda inexplicável, em Portugal. Convidado para o encontro luso, Teori Zavascki se recusou a comparecer.

Responsável pela Lava-Jato no Supremo, Zavascki é o mais frequente nas citações. E em todas elas fica muito bem na fita. Mostra-se blindado contra as pressões.

É considerado inacessível — “um cara fechado” — pelo ex-ministro Romero Jucá, flagrado em gravações pré-programadas na delação do ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado. Está também na boca do presidente do Senado, Renan Calheiros, e do ex-presidente da República José Sarney, que também caíram como peixinhos nas redes de Machado. Reagindo à afirmativa – “com Teori ninguém consegue conversar” –, Sarney e Renan sugerem nomes que teriam influência sobre Zavascki.

De nada adiantaria.

Difícil crer que políticos – especialmente raposas do porte de Sarney e Renan – apostem no “convencimento” de ministros do Supremo para se safar. O histórico recente desautoriza hipóteses nesse sentido. Das condenações do Mensalão ao andamento célere da Lava-Jato na Corte.

A única vantagem real do STF ainda é o foro. Mesmo assim, se por hora isso é visto como privilégio, por permitir escapar do jugo de Sérgio Moro, as condenações no Supremo acabam sendo mais rápidas e definitivas, sem instâncias recursais. Ao fim e ao cabo, o foro especial inibe a possibilidade de cadeia-já para os políticos – motivo da atrapalhada armação para que o ex Lula fosse nomeado ministro da Casa Civil de Dilma –, mas pode significar prisão inapelável mais velozmente.

No caso do Mensalão, o escândalo estourou em 2005, a denúncia chegou ao Supremo em 2007. Cinco anos depois, em 2012, o julgamento estava praticamente encerrado e os condenados presos, restando apenas oito embargos infringentes, analisados até o ano seguinte. Menos tempo que vários dos processos que estão na mesa de Moro.

Mais complexa, a Lava-Jato começou em 2009, quando se puxou o primeiro das centenas de fios da gigantesca meada. Em outubro de 2014 foram feitas as primeiras condenações. Hoje já são seis dezenas, mas todas sujeitas a recursos em instâncias superiores. Podem ser reformadas e até anuladas, algo impossível quando um processo é julgado diretamente pelo Supremo.

Inescrupulosos e cheios de soberba, políticos poderosos que se acham mais poderosos do que de fato são agem como se todos os entes da República fossem seus vassalos.

Ministros do STF têm estabilidade, nada devem a quem os indicou e os aprovou. Muito menos querem ser flagrados em conluio com gente afogada na lama. Gozam de credibilidade popular, quesito de dificílima obtenção. E, ao que parece, não pretendem perdê-la.


18 comentários

  1. Sergio Silvestre
    domingo, 29 de maio de 2016 – 14:04 hs

    Essa Mary Zaidan não deve estar falando Do Gilmar Mendes,o Teori parece ser sim mais imparcial,mas o Gilmar né dona Mary ,tenha dó.

  2. Luiz Eduardo
    domingo, 29 de maio de 2016 – 21:29 hs

    Entãi, dê-me uma resposta; como anda o caso do lula?

  3. Luiz Eduardo
    domingo, 29 de maio de 2016 – 21:30 hs

    Então……….

  4. segunda-feira, 30 de maio de 2016 – 9:07 hs

    “Esses leões predadores da politica tupiniquim de terras d´além mar estavam mal acostumados achando que o País estava aí para servi-los, como se fossem donos. Sempre agiram assim. Nunca. Nunca tiveram respeito por ninguém. Muito menos pelo sistema legal que vige no ordenamento jurídico. Se achavam deuses do monte olimpo contemplando a pobre e infeliz ralé a quem não é permitido subir, e que mantinham seus privilégios inatingíveis e livres do braço forte da lei. Aí aparece no cenário Joaquim Barbosa, Moro, Teori, o STF. O MP. A PF… E o despertar de cidadania do povo que está cansado desse modelo politico de representação que está falido. Carcomido pelo câncer da corrupção. Pela redução drástica e imediata do número de Senadores, Deputados Federais, Estaduais e Vereadores. Mas, e, acima de tudo pelo corte radical das verbas que são destinadas a seus gabinetes e seus salários declarados que são um escárnio. Um acinte a população pobre e sofrida desse País. Nada justifica uma estrutura tão cara, inoperante, ineficaz e inútil como essa. Esse modelo é INSUSTENTÁVEL. Que esses sanguessugas deem sua parcela de contribuição apresentando um projeto nesse sentido. Bando de hipócritas. Corruptos e venais. Com RARÍSSIMAS exceções. O mensalão e a lava jato estão aí para provar. Quanto mais mexe mais a LAMA aparece!…” – Profº Celso Bonfim

  5. Juca
    segunda-feira, 30 de maio de 2016 – 10:53 hs

    SS Calça Frouxa, você não vê que nem o Ministro Dias Toffoli, cria do PT, deixou de ser fiel à quadrilha?

  6. kbci
    segunda-feira, 30 de maio de 2016 – 10:57 hs

    As mudanças se iniciaram …. espero que perdurem …. a nação brasileira está despertando para o fato de que os políticos existem “para servirem” aquela nação e não “se servirem” dela. Eles são os empregados e não o povo. Saliento ainda a eficiência dos meios de comunicações ao levarem a população brasileira as notícias de que esta precisa tomar conhecimento, ao contrário de anos remotos.

  7. Larry de Camargo V. Nascimento
    segunda-feira, 30 de maio de 2016 – 11:26 hs

    Tem gente ingenua demais, mas o comentário chega a me dar enjôo.
    Delcídio cassado (não vale nada) e Mercadante vale?
    Isto tudo é um jogo muito grande e pesado onde nós (idiotas) ficamos só torcendo.
    Será que a Lava Jato não chegará no STF?

  8. Antonio Carlos
    segunda-feira, 30 de maio de 2016 – 11:45 hs

    Infelizmente todos os ministros de todos os Tribunais Superiores, salvo raríssimas exceções, foram conduzidos às estas Cortes Superiores pela mão de alguém, do chefe do Executivo ou do Legislativo, ou seja, aí fica difícil uma isenção completa. Não afirmo que este ou aquele ministro está compromissado com este ou aquele chefe do poder Executivo ou do Legislativo, mas continuando com este tipo de escolha e indicação a suspeita sempre vai existir. Infelizmente o modo mais justo e democrático que existe para o entrar no Serviço Público, e o Poder Judiciário faz parte dele que é o Concurso Público, é execrado pela maioria dos Donos do Poder. Quem entra pela porta da frente nunca terá a preocupação de dar satisfação a quem o indicou, só à sociedade para a qual se dispôs a servir.

  9. quarta-feira, 31 de agosto de 2016 – 23:16 hs

    Desenvolvimento do sistema de controle acadêmico a graduação da Universidade Federalista com São Carlos.

  10. quarta-feira, 17 de maio de 2017 – 6:40 hs

    20 funcionários correram no pátio para restaurar gato. http://hospitalveterinariosaude.com.br/hospital-veterinario/

  11. domingo, 21 de janeiro de 2018 – 4:35 hs

    – Promove a bem-estar dos ossos e também articulações.

  12. segunda-feira, 22 de janeiro de 2018 – 7:47 hs

    E também caso ela não mude? Não fique mudo.
    Não se reprima.

  13. segunda-feira, 22 de janeiro de 2018 – 14:49 hs

    Não se preocupe com colesterol dos ovos.

  14. quarta-feira, 24 de janeiro de 2018 – 21:51 hs

    Elas podem se assustar e se distanciar.

  15. domingo, 4 de fevereiro de 2018 – 9:48 hs

    Certa das equações mais recorrentes que chegam aos nossos ouvidos a todas e
    cada uma das porções do estado seres mais diversos idades fala acatamento ao preço de redução a
    memória nzt pro aquela pessoa que se ardor com capacidade
    de estudar as valores. http://caidendwncq.Aioblogs.com/2757222/n-o-conhecido-declara-es-factuais-cerca-de-medicamento-nzt-pro

  16. quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018 – 4:28 hs

    Eles sabem que Empreendedorismo Digital é provável.

  17. terça-feira, 20 de fevereiro de 2018 – 15:11 hs

    Ocasionalmente, conseguimos uma reponta completa do pêlo.

  18. segunda-feira, 29 de outubro de 2018 – 19:37 hs

    On howw he thinks hiss valuables were stolen since in deed he had thhe top of
    hand in the fight, Constance said hello was probazble that other members from the
    gang that didn’t take part in the battle could have sneaked as
    part of his room whipst the battle occuring generating away with his belongings.

    In breaking news from The Age, it can be reported that this carbon tax will hit amost every Australian having a hefty cost of
    $40,000 by 2050 coming to a massive $1 trillion hit for the Australian economy.
    Skinnhy Jeans – This piece will always remain stylish since its flatters all body shyapes and sizes.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*