Paraná tem 20 deputados a favor do impeachment | Fábio Campana

Paraná tem 20 deputados a favor do impeachment

índice
Dos 30 deputados federais que representam o Paraná, 20 confirmam publicamente o voto a favor ao impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), que tende a ser apreciado na Câmara dos Deputados no dia 17 de abril. Entre os dez parlamentares restantes, quatro são contra o processo e dificilmente vão alterar o voto. Dos outros seis, há aqueles que evitam entrevistas sobre o voto como João Arruda (PMDB) e Sérgio Souza (PMDB).As informações são de Murilo Gatti n’O Diário de Maringá.

índice2

A tendência é que por conta da ligação de Souza com a senadora Gleisi Hoffmann (PT) e de Arruda com o senador Roberto Requião (PMDB), os dois deputados peemedebistas sigam o posicionamento contrário dos senadores e votem contra o impeachment. Dos indecisos, Aliel Machado (Rede) tem afirmado que prefere não se pronunciar sobre o processo antes de votar o relatório da Comissão do Impeachment, o que é previsto para acontecer na segunda-feira. Pelo partido, é possível que vote favorável ao impeachment. O outro paranaense que integra a Comissão, Fernando Franscischini (SD), é defensor da abertura do processo.

Restam com posicionamento indefinido o peemedebista Hermes Parcianello e o deputado Ricardo Barros (PP), vice-líder do governo na Câmara. Barros afirmou ontem que vai seguir a decisão da direção nacional do Partido Progressista. “Sou tesoureiro do partido e temos a nossa cúpula partidária, onde há duas discussões importantes. A primeira foi a decisão de não desembarcar do governo federal, como fez o PMDB, que entendo ter tomado uma decisão legítima. O Michel Temer foi correto nesta questão. A segunda, que vamos decidir oportunamente, é a orientação sobre o impeachment”, considerou Barros.

Dentro do Paraná, a Executiva Estadual divulgou nota ontem em defesa do impeachment da presidente. Segundo o comunicado, assinado pelo presidente da sigla no estado, deputado Dilceu Sperafico (PP), o impeachment é no momento a única alternativa “para a superação da grave crise política, econômica e moral, que penaliza o País e os trabalhadores, empresários e cidadãos brasileiros, do campo e das cidades”, disse.

Dentre os placares publicados pelos jornais e pelos movimentos sociais que defendem o afastamento da presidente, o deputado Giacobo (PR), por vezes, aparece como um parlamentar que não se manifestou. No entanto, ele publicou posicionamento favorável à aprovação do impeachment nas redes sociais. O deputado Luiz Nishimori, presidente do PR no Paraná, também declarou ser favorável ao afastamento da presidente.

Enio Verri (PT) tem defendido a tese de que o processo de impeachment é um golpe político contra a presidente, que não teria cometido nenhum crime de responsabilidade, discurso adotado pelo governo desde a instalação da Comissão de Impeachment no Legislativo.

O outro representante maringaense na Câmara, Edmar Arruda (PSD), pediu licença do cargo para tratar de assuntos particulares e para ter mais tempo para articulações das eleições municipais de 2016. Quando saiu e foi questionado sobre o voto, afirmou que sairia tranquilo porque foi substituído por Paulo Martins (PSDB), também favorável ao processo.


4 comentários

  1. TICAO
    sábado, 9 de abril de 2016 – 15:21 hs

    POISÉ SÓ QUE TEM ESTADOS DO NORTE E NORDESTE QUE O LULA JÁ COMPROU TODOS OS DEPUTADOS, INCLUSIVE ALGUNS DO PSDB.

  2. medonho
    sábado, 9 de abril de 2016 – 18:55 hs

    o governo impõe uma situação moralmente deplorável, o modus operandi de sempre, visto que não existe convicção em seus argumentos de defesa, e na condição de culpado compram, com verbas públicas e cargos, deputados e o povo brasileiro se exploradam.
    Isto deveria ser configurado como um crime contra a nação brasileiro, pois, é desvio de conduta para levar vantagens em detrimento do sofrimento do povo brasileiro.

  3. Katia
    domingo, 10 de abril de 2016 – 1:06 hs

    Pelo amor do nosso país Hermes parcianelo Frango que já tá mais para galo velho não fique em cima do murro pelo menos agora pence no povo Brasileiro estou confiante que vc vai votar com a grande bancada do Paraná

  4. JÁ ERA...
    segunda-feira, 11 de abril de 2016 – 6:49 hs

    Estes políticos paranaenses que estão contra o impeachment já
    estão na mira dos eleitores. Jamais se reelegerão com certeza !!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*