Os sete segredos da 13ª vara federal de Curitiba, a responsável pela Lava Jato | Fábio Campana

Os sete segredos da 13ª vara federal de Curitiba, a responsável pela Lava Jato

juiz-sergio-moro

Nonato Viegas, Época

O constitucionalista Joaquim Falcão, da FGV do Rio de Janeiro, escreveu artigo para a Fórum, revista da Associação dos Magistrados do Estado do Rio de Janeiro (Amaerj), em que observa sete fatores para o sucesso da 13ª vara da Justiça Federal de Curitiba, responsável pela Lava Jato. São eles:

1 – Juízes, procuradores e delegados são jovens, bem remunerados, ocupam seus cargos por mérito e à luz do Estado Democrático de Direito;

2 – Usam bastante a tecnologia e sabem lidar com a “inteligência de números”;

3 – Sabem trabalhar em conjunto, sem que um “invada a competência do outro”;

4 – Lançam mão de parcerias internacionais em busca de informações. Perceberam que a corrupção não se restringe ao Brasil;

5 – Recorrem às delações premiadas e aos acordos de leniência. Com isso, conseguiram um “fluxo de informações que impulsiona o processo e ao mesmo tempo o expande”;

6 – Focam nos fatos e não em abstrações jurídicas, dificultando o trabalho dos advogados de defesa; e

7 – Contam com a imparcialidade do juiz Sérgio Moro, que tem como agenda o “combate à corrupção”.

(foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)


9 comentários

  1. Marcão
    sexta-feira, 29 de abril de 2016 – 12:58 hs

    Simples assim….

  2. Sergio Silvestre
    sexta-feira, 29 de abril de 2016 – 13:15 hs

    Falar nisso ,cade o Moro,se escafedeu,está já se preparando para ser vizinho do Barbosa,
    Sua meta foi essa né,derrubar a presidenta e ficar de papo pro ar,mas e o Yossef?Vai deixar o amigo de longas datas e longos depoimentos em dela~ções mandrakes?Eita Moro,é como os outros magistrados,não tem nada de diferente a não ser o carimbo tucano na testa.

  3. sexta-feira, 29 de abril de 2016 – 13:34 hs

    O constitucionalista Joaquim Falcão da FGV do Rio de Janeiro foi muito feliz em sua analise apontando 07 ( sete ) fatores para o sucesso da 13º Vara da Justiça de Curitiba.Competência interação nacional e internacional neutralidade anti partidarismo é a chave do sucesso.

  4. CLOVIS PENA - Orgulho nosso !
    sexta-feira, 29 de abril de 2016 – 13:40 hs

    Temos aí o referencial para a renovação da política no Paraná.

    Vamos ajudar. O Paraná merece !!

  5. luiz carlos K
    sexta-feira, 29 de abril de 2016 – 14:30 hs

    TEM GENTE QUE DEFENDE A CORJA DO PT.

    NAO DEFENDE QUEM RECUPERA ROUBOS.

    OU É INOCENTE OU É CONIVENTE.

  6. Artur
    sexta-feira, 29 de abril de 2016 – 16:34 hs

    SE LÁ NO GOVERNO COLLOR, JÁ TIVÉSSEMOS JUÍZES COMO SÉRGIO MORO, PROMOTORES COMO DELTAN DALAGNOL E SUA EQUIPE, POLICIAIS FEDERAIS COMO OS QUE ATUAM NO LAVA JATO, O BRASIL HOJE JÁ SERIA BEM MELHOR!!!!!!!!!!!!!!
    TODO O APOIO AO JUIZ MORO, AO PROMOTOR DALAGNOL E AOS DEMAIS QUE ATUAM NO LAVA JATO (RECEITA, PROMOTORES E POLICIAIS)! EM FRENTE PESSOAS DE BEM!!! CADEIA AOS MALFEITORES DO PAÍS E DO POVO BRASILEIRO!!

  7. Nelson
    sexta-feira, 29 de abril de 2016 – 17:25 hs

    Esse S.S. deve receber alguma verba do Governo Federal para defender essa corja de vagabundos que está acabando com o Brasil. Que a PF investigue esta pessoa, que alguma coisa muito estranha ocorre para esse sujeito defender esses quadrilheiros. Investigação já!!!!!

  8. sábado, 30 de abril de 2016 – 8:47 hs

    Resposta ao sr. Sergio Silvestre: O juiz Sergio Moro, está se preparando, Sergio Silvestre, para apanhar o maior corrupto deste pais, o Lula, que vc. tanto defende.

  9. eu cobro
    sábado, 30 de abril de 2016 – 19:00 hs

    O SS não desmerece a sua imbecilidade mesmo, ou só ouve e lê o que quer: não sabe o beócio que a LJ foi parar nas mãos do STF onde levaram o seu semi-deus pinga vulgo Lula e foram eles que deram uma esfriada no Moro, senão quiçá até vc tivesse preso. Informe ntes de falar asneiras. Aqui ficaram só os lambaris, os tubarões fugiram pra debaixo da toga do supremo.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*