Lava Jato investiga agora fundo bilionário FI/FGTS | Fábio Campana

Lava Jato investiga agora fundo bilionário FI/FGTS

procurador-geral-da-republica-rodrigo-janot
Boa parte dos procuradores que atuam na Lava Jato está dedicada a uma novíssima frente: o FI-FGTS. Alguns representantes do fundo (que dispõe de mais de R$ 30 bilhões) costumavam ser assediados por empresas gigantes interessadas em receber recursos. Em troca do direcionamento, dizem os investigadores, alguns representantes indicados pelo governo recebiam
propina. O trabalho teve como ponto de partida Fábio Cleto, ex-dirigente da Caixa e aliado do presidente da Câmara, Eduardo Cunha. Os investigadores já identificaram contas na Suíça em nome de Cleto, que negocia delação premiada com a equipe do procurador-geral da República, Rodrigo Janot.


2 comentários

  1. QUESTIONADOR
    segunda-feira, 25 de abril de 2016 – 12:05 hs

    -Ainda falta a caixa preta do BNDES!!! Aí o petrolão vai ser considerado “troco de moedas” !!!!

  2. ABACAXI
    segunda-feira, 25 de abril de 2016 – 23:35 hs

    APLAUSOSSSSS

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*