Moro repudia 'incitação à violência' durante condução de Lula | Fábio Campana

Moro repudia ‘incitação
à violência’ durante condução de Lula

índice

O juiz federal Sérgio Moro declarou hoje que ‘repudia, sem prejuízo da liberdade de expressão e de manifestação política, atos de violência de qualquer natureza, origem e direcionamento, bem como a incitação à prática de violência, ofensas ou ameaças a quem quer que seja, a investigados, a partidos políticos, a instituições constituídas ou a qualquer pessoa’. As informações são de Ricardo Brandt, Fausto Macedo e Julia Affonso no Estadão.

A manifestação do juiz da Lava Jato, em nota oficial, ocorre um dia depois da deflagração da Operação Aletheia, que pegou o ex-­presidente Lula e o levou para depor coercitivamente. O petista foi surpreendido pela Polícia Federal em sua residência, em São Bernardo do Campo, e levado para uma sala no Aeroporto Internacional de São Paulo em Congonhas.

Durante o depoimento de Lula, que se prolongou por mais de três horas, manifestantes se confrontaram nas ruas da cidade. Pancadarias foram registradas em diversos locais.

A Aletheia – 24.ª fase e ápice da Lava Jato – foi desencadeada por ordem de Moro, que acolheu representação do Ministério Público Federal.

Em nota oficial, o magistrado destacou que ‘a democracia reclama tolerância em relação a opiniões divergentes e respeito às instituições constituídas e à qualquer pessoa’. Moro demonstrou ter ficado consternado com o clima acirrado. “A pedido do Ministério Público Federal, este juiz autorizou a realização de buscas e apreensões e condução coercitiva do ex-­presidente Luiz Inácio Lula da Silva para prestar depoimento. Como consignado na decisão, essas medidas investigatórias visam apenas o esclarecimento da verdade e não significam antecipação de culpa do ex­-presidente”.

O juiz observa que ‘cuidados foram tomados para preservar, durante a diligência, a imagem do ex­-presidente’ “Lamenta-­se que as diligências tenham levado a pontuais confrontos em manifestação políticas inflamadas, com agressões a inocentes, exatamente o que se pretendia evitar.”

Moro disse que ‘ repudia, sem prejuízo da liberdade de expressão e de manifestação política, atos de violência de qualquer natureza, origem e direcionamento, bem como a incitação à prática de violência, ofensas ou ameaças a quem quer que seja, a investigados, a partidos políticos, a instituições constituídas ou a qualquer pessoa’. “A democracia em uma sociedade livre reclama tolerância em relação a opiniões divergentes, respeito à lei e às instituições constituídas e compreensão em relação ao outro.”


8 comentários

  1. Sergio Silvestre
    sábado, 5 de março de 2016 – 16:45 hs

    Não sei se foi ordem do Moro,mas quem fez essa bobagem apesar da Globo a noite tentar contornar,me desculpem foi um idiota.
    E se prende o Lula então ai que ninguém segura o homem para 2018 até por que o povo deixou de ser idiota,seus filhos cresceram e estudaram em universidades gratuitas e são inteligentes e começam a sacar que essa perseguição tola ao Lula não vai dar em nada a não ser inflar bem mais sua popularidade que é grande.

  2. RR
    sábado, 5 de março de 2016 – 17:01 hs

    ESSA ESCÓRIA IMUNDA SÓ EXISTE,PORQUE AS FORÇAS ARMADAS FIZERAM O SERVIÇO PELA METADE,MAS DAQUI PRA DIANTE QUEM VAI COLOCAR ESSES VERMES IMUNDOS NO SEU DEVIDO LUGAR,VAI SER O POVO,O ATERRO SANITÁRIO VAI FICAR PEQUENO PRA TANTO LIXO pt-RAIA.

  3. sábado, 5 de março de 2016 – 18:26 hs

    Devia ter previsto esta reação antes de sequestra-lo, ou já esqueceram como funciona a justiça que ela tem que passar pelos tramites legais.

  4. Henry
    sábado, 5 de março de 2016 – 18:42 hs

    A “incitação” SOBRE QUALQUER PRETEXTO É UM CRIME. FEITAS POR “autoridades” É UM CRIME MAIOR. E POR QUE A POLÍCIA NÃO FAZ NADA CONTRA ESTES MARGINAIS?

  5. Parreiras Rodrigues
    sábado, 5 de março de 2016 – 19:15 hs

    Tá lá no blog do Esmael que o PT pretende fazer manifestação no dia 13, domingo, no mesmo dia, portanto, que acontece movimento anti-Lula. Pretendem intimidar ou mesmo armar confronto.

  6. medonho
    domingo, 6 de março de 2016 – 10:05 hs

    Estes petistas são um bando de convardes, sempre agem em quadrilhas, apoiado pela máfia do sindicatos este se mantém com o suor dos trabalhadores.
    Não há como negar, a participação do lula e sua trupe nos maiores escandalos da hist´ria deste pais: mensalão e petrobrás.
    Pior, Dilma sai desesperada ao encontro do seu criador, isto prova que ela é apenas ventriloqua nas mãos desta máfia, chamada PT.
    O Brasil precisa se fortalecer, pois, logo irá vir outra quadrilha para assumir o lugar, todas as siglas são suspeitas.
    Temos de acabar com foro privilegiado e ser mais autero com os que estão no poder, o poder pertence ao povo. O povo são nossas instituições.

  7. O Insuportável
    domingo, 6 de março de 2016 – 10:49 hs

    NOJENTOS ESSES PARRUDINHOS VERMELHOS DA CUT/PT!!!! Gostam de cercar um, desde que seja franzino ou mulher, e aí aproveitam para barbarizar!! É preciso criminalizá-los, ou seremos desmoralizados!!!
    Dia 13/03, todos protestando e que ninguém tenha medo desses RATOS VERMELHOS!!!!

  8. Dionleno Silva
    segunda-feira, 7 de março de 2016 – 8:24 hs

    Investigar ladrão agora é perseguição, espero que além de tudo que esse bando petista roubou da nação descubram o que aconteceu com o Celso Daniel.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*