Moro decide se mantém preso marqueteiro do PT | Fábio Campana

Moro decide se mantém preso marqueteiro do PT

O juiz Sérgio Moro tem até amanhã (quinta-feira, 3) para decidir se mantém preso o marqueteiro do PT, João Santana. O juiz também deve avaliar se mantém presas a mulher de João Santana, Mônica Moura e a funcionária da Odebrecht, Maria Lúcia Tavares. As informações são de Ana Kruguer na rádio CBN/Curitiba.

Os três são alvo da 23ª fase da Operação Lava Jato e estão presos temporariamente desde o início da semana passada. Na última sexta feira (26), Moro decidiu prorrogar por mais cinco dias a prisão temporária dos investigados para ter mais tempo de analisar documentos apreendidos na operação.

Desta vez o juiz não pode mais prorrogar a prisão temporária. Moro vai ter que decidir se pede a prisão preventiva, válida por tempo indeterminado, ou se os três podem ser soltos.

A 23ª fase da Operação foi deflagrada no dia 22 de fevereiro e foi batizada de Acarajé, termo usado pelos suspeitos para pagamentos ilegais. Nesta fase da operação são apuradas movimentações de cerca de U$ 7, 5 milhões – dinheiro que teria sido desviado da Petrobras.

Na semana passada Moro já decidiu soltar os investigados Vinícius Veiga Borin, suspeito de gerenciar contas secretas da Odebrecht no exterior e Benedicto Barbosa, vice-presidente da Odebrecht Infraestrutura. Eles também foram presos na 23ª fase da operação.

Para o juiz, Vinícius Borin e Benedicto Barbosa estão envolvidos nos delitos investigados, mas tiveram menor participação. No entanto, os dois estão sob medidas cautelares. Eles estão proibidos de deixar o país ou de mudar de endereço sem autorização judicial, por exemplo.


6 comentários

  1. BETO
    quarta-feira, 2 de março de 2016 – 13:05 hs

    Deixa na CADEIA esses canalhas. Somente assim eles abrirão a boca e entregarão o chefe da quadrilha o Sr. LULA.

  2. Sergio Silvestre
    quarta-feira, 2 de março de 2016 – 13:26 hs

    Moro pensa fazer justiça com dois palitinhos na mão,se tirar o pequeno deixa preso senão solta,alias o dondoca dos coxinhas está todo atrapalhado,logo senta na touceira.

  3. Cesar
    quarta-feira, 2 de março de 2016 – 14:12 hs

    Há fatos concretos mais que suficientes para a decretação da prisão preventiva.Juiz Moro,não titubeie diante dessa gente.A população está com você!

  4. quarta-feira, 2 de março de 2016 – 14:46 hs

    Sergio, tome cuidado! vc. já ouviu falar em “desacato a autoridade” ? se o Dr. Moro sabe do que vc. anda falando dele, pode querer ter uma “conversinha” com vc. !

  5. SOLANGE LOPÉS
    quarta-feira, 2 de março de 2016 – 15:30 hs

    Aperta o saco dele que vai vomitar até o leite que mamou e continua mamando. O tempo da impunidade no Brasil está nos seus extertores.Quem vai sentar na touceira são os quadrilheiros petistas.

  6. Juca
    quarta-feira, 2 de março de 2016 – 16:12 hs

    Um sujeitinho foi visto fazendo suruba com homens no mictório da Praça Osório em Curitiba segundo notícia neste Blog. Parece segundo informações preliminares que é de Londrina e estava de passagem para visitar a quadrilha no Complexo Médico Penal?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*