Multa não muda processo e não há testemunha do 'racha', diz Mattar Assad | Fábio Campana

Multa não muda processo e não há testemunha do ‘racha’, diz Mattar Assad

assad

O advogado Elias Mattar Assad, assistente da família Yared no processo contra o ex-deputado Carli Filho, declarou ontem que a multa de trânsito que vem sendo divulgada por Gilmar Yared não terá influência no julgamento. Segundo Mattar Assad, o radar que teria flagrado a infração (de um veículo de terceiro) fica a 700 metros do local do acidente que vitimou Rafael Yared. Assim, Ribas Carli pode nem ter passado por ali. “Essa multa em nada interfere com o processo em andamento perante a 2ª Vara do Júri de Curitiba, nem será utilizada para o julgamento popular” escreveu no facebook. Assad disse ainda que “entre todas as provas arrecadadas no processo do júri nenhuma testemunha presencial afirma a existência de um segundo veículo ou ‘racha’ ”. com informações do Metro/Curitiba.


7 comentários

  1. Eduardo
    quinta-feira, 21 de janeiro de 2016 – 15:36 hs

    Essa história de racha é invenção da mae do rapaz, que tem uma causa justa pela qual luta, mas passou do ponto e claramente é uma pessoa desequilibrada. Além de faltar com a verdade constantemente.

  2. Cesar
    quinta-feira, 21 de janeiro de 2016 – 15:50 hs

    A deputada Yared pode dormir tranquila pois o STF-composto majoritariamente por juízes nomeados pelo governo do PT-vai agir estritamente de acordo com as leis.Na próxima campanha,a deputada pode se sentir de consciência limpa para,mais uma vez,apoiar o PT.

  3. Ketlin Pamella
    quinta-feira, 21 de janeiro de 2016 – 16:41 hs

    Quero ver o Nando bem comportado sentadinho no banco do réu!

  4. Sergio Silvestre
    quinta-feira, 21 de janeiro de 2016 – 18:12 hs

    Até tu Assad,

  5. quinta-feira, 21 de janeiro de 2016 – 19:12 hs

    Quando acabar esse caso e acabar o assunto, como será que essa senhora vai fazer campanha?

  6. Jorge Pilotto
    sexta-feira, 22 de janeiro de 2016 – 10:54 hs

    Um grande advogado pensa com a razão e age de acordo com as leis. Também não se deixa influenciar pelo emocional e anseios dos familiares, que muitas vezes galgam objetivos pessoais, e não a Justiça. Parabéns Dr. Elias !!!!!

  7. QUESTIONADOR
    sexta-feira, 22 de janeiro de 2016 – 12:05 hs

    -Se o racha realmente existiu, com quem Carli Filho disputava pelas ruas de Curitiba??? Seria parte do alto escalão??? Ou invenção???
    -De qualquer forma, parece que a posição de Carli Filho está sendo encostada na parede e a tendência à ir para o juri popular continua viva!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*