Lixo acumulado em ruas do Centro vira rotina em Curitiba às segundas | Fábio Campana

Lixo acumulado em ruas do Centro vira rotina em Curitiba às segundas

Está virando rotina na capital ecológica: toda segunda-feira parte da região central amanhece com muito lixo acumulado nas esquinas de Curitiba. A situação não foi diferente mesmo no retorno de um feriadão prolongado, quando muitas pessoas deixaram a cidade. O dia começou com muitos sacos plásticos e lixo amontoado, por exemplo, pela avenida Marechal Floriano Peixoto, Rua Monsenhor Celso e Rua Pedro Ivo, Rua Barão do Rio Branco nesta segunda-feira (4). As informações são da Gazeta do Povo.

A situação é motivo de preocupação e reclamação para os comerciantes da região. “A gente abre as portas com lixo amontoado na calçada. O cliente não quer entrar em um estabelecimento em que há uma sujeira na frente”, afirma a gerente de uma padaria na Monsenhor Celso, Patrícia Mora Terbichi. O cenário fica ainda mais complicado porque muitos dos sacos plásticos acabam sendo arrebentados por cachorros ou até mesmo por populares.

“Quando entrei no trabalho, tinha muito lixo espalhado. Quem arrumou tudo nos sacos de novo foi o gari. Não sei porque toda segunda-feira é essa situação”, afirma o comerciante da Barão do Rio Branco Augusto Santiago. Os próprios garis ouvidos pela reportagem admitiram que toda segunda-feira o centro está “virado numa ‘porquice’” e que a situação está piorando cada vez mais.

O motivo do acúmulo é a inexistência de coleta de lixo na região central aos domingos. Segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, as coletas de lixo orgânico na localidade sempre foram de segunda-feira a sábado no período noturno. Em dezembro, a prefeitura chegou a negar, equivocadamente, um boato de redução de caminhões de coleta de lixo no centro da cidade aos domingos.

A orientação é de que as pessoas evitem colocar lixo nos períodos em que não há coleta. Os horários podem ser conferidos no site da prefeitura. Caso a pessoa seja flagrada jogando resíduos na rua fora dos horários ela é, em um primeiro momento, orientada. Se a situação se repetir, ela é notificada e apenas na terceira vez pode ser aplicada uma multa. O valor varia conforme o horário e a quantidade de resíduos depositados na via pública.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*