Como transformar 2016 | Fábio Campana

Como transformar 2016

De O Antagonista

José Roberto Mendonça de Barros, no Estadão, diz que só o afastamento de Dilma Rousseff pode impedir a calamidade econômica:

“Recessão. Existe aqui uma grande dificuldade: se projetarmos as tendências recentes, o ano de 2016 será ainda de recessão e de forte piora no desempenho econômico, dado que o governo derrete em todas as áreas. Apenas uma mudança de governo pode alterar essa projeção, uma vez que, neste caso, as expectativas seriam francamente ajustadas do lado positivo, reduzindo a pressão no câmbio e na inflação. Os juros poderiam até cair e o último trimestre do ano poderia ser muito mais positivo, especialmente para a indústria. Uma nova agenda traria de volta o investimento. Pessoalmente, acredito que a recessão, o desemprego, a pressão da sociedade e a Operação Lava Jato levarão a este desfecho”.


Um comentário

  1. zé povinho
    domingo, 3 de janeiro de 2016 – 18:55 hs

    Se quisermos um ano novo de fato não é só a saída da dra. Dilma que precisa ir embora, o Cunha também e de braço dado com o Renan e o Temer. Aí se isto acontecer, o que é por demais improvável que aconteça, podemos sonhar com uma real mudança, mas só assim. O impeachment da dra. Dilma ou do Cunha não são suficientes, ou mudamos tudo ou deixamos como esta, porque, parodiando o Tiririca, pior não fica.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*