Para aproveitar a sexta-feira | Fábio Campana

Para aproveitar
a sexta-feira

coral - palacio avenida

música
– Pixinguinha – as cinco estações, Teatro da Caixa, às 20h.
– Coral do Palácio Avenida, às 20:15.
– Madrigal feminino Chanson, Teatro Experimental da Universidade Federal do Paraná, às 20h.

dança
– Grupo Corpo, no Teatro Guaíra, às 21h.

teatro
– “ÉDIPO_2: Párodo”, Teatro Novelas Curitibanas, às 20h.
– “Ave Miss Lonelyhearts”, Teatro José Maria Santos, às 20h.
– “Artista de Fuga”, Casa Damaceno, às 21h.

cinema
– “Chatô, o Rei do Brasil”, Cinemark Barigui e Cineplex Novo Batel, diversos horários.
– “Chico – Artista Brasileiro”, Cinemark Barigui e Espaço Itaú de Cinema, diversos horários.
– “Morangos Silvestres”, Espaço Itaú de Cinema, às 13:30h.

exposição
– 1ª Feira de Arte Art Invest, Galpão Atelier João Moro, das 9h às 18h.
– 20 anos da Galeria Ybakatu Espaço de Arte, das 14 às 21h.
– “Diálogos Construtivos no Brasil: Passado e Presente”, Simões de Assis Galeria de Arte, das 10h às 19h.

A seguir, a Programação Cultural completa.

música
– Pixinguinha – as cinco estações está em cartaz nesse final de semana no Teatro da Caixa. Trata-se de uma aula-espetáculo ilustrada pelos números musicais de Pixinguinha e também pela audição de trechos de gravações originais de relevância histórica, bem como projeção de imagens de época. O ator e cantor – e neto de Pixinguinha – Marcelo Vianna, e o músico e pesquisador Henrique Cazes dividem a trajetória da construção do músico em cinco etapas, que compreendem desde sua estreia profissional até o seu centenário. O trabalho conta com a participação dos violonistas Caio Cezar e João Camarero, além da percussão de Beto Cazes. Hoje e amanhã às 20h e domingo às 19h.
– Está aberta a temporada de apresentações do Coral do Palácio Avenida. Neste ano o evento comemora 25 edições com o tema “O Natal dos Natais”. Sexta, sábado e domingo às 20:15.
– Com um repertório composto por músicas de várias épocas e países o madrigal feminino Chanson apresenta o espetáculo “Em Cantos do Mundo” no Teatro Experimental da Universidade Federal do Paraná, às 20h. Cantos da Espanha, Portugal, Ucrânia e Japão estão dentro do repertório que conta com a participação do percussionista Nando Lemos.

dança
– Comemorando 40 anos de atividades, o Grupo Corpo apresenta “Dança Sinfônica” (com música de Marco Antônio Guimarães e coreografia de Rodrigo Pederneiras) e Suíte Branca (música de Samuel Rosa e coreografia de Cassi Abranches) hoje, no Teatro Guaíra, às 21h.

teatro
– A Companhia SUBJÉTIL volta às ruas de Curitiba com o espetáculo “ÉDIPO_2: Párodo”, dentro da programação da Mostra DRAMA_1, nos dias 04, 05 e 06 de dezembro. A peça partirá do Teatro Novelas Curitibanas, às 20h, e seguirá um percurso pelas ruas do bairro São Francisco, setor histórico da cidade.
A partir do mito de Édipo, e da estrutura dramatúrgica das tragédias gregas, a peça aborda o discurso e a função do Coro Trágico como foco principal do evento cênico.
– “Três mulheres são desafiadas a sobreviver em um mundo aonde são cerceadas a todo instante. Elas tentam achar uma saída: ir ao encontro de uma divindade a quem finalmente podem fazer os seus pedidos”. Este é o tema de “Ave Miss Lonelyhearts”, que compõe a Mostra de Dramaturgia SESI- Teatro Guaíra. No Teatro José Maria Santos, às 20h.
– Com direção de Marco Damaceno está em cartaz “Artista de Fuga”, peça que conta a história de Tom, um escritor e um procrastinador, adiando tudo que foi planejado. Com o passar do tempo começa a questionar a vocação para a literatura e isso se estende a todos aspectos da vida, fazendo-o mergulhar num caos. A dramaturgia foi desenvolvida a partir de um texto de Guto Gevaerd. Hoje e amanhã, às 21h e domingo às 19h na Casa Damaceno.

cinema
– Cinebiografia de Assis Chateaubriand, também conhecido por Chatô. Ele foi o primeiro magnata das comunicações no Brasil, destacando-se entre as décadas de 1930 e 1960. Chegou a ser chamado de Cidadão Kane brasileiro. Foi fundador da TV Tupi, dos Diários Associados e do Museus de Arte de São Paulo (Masp). “Chatô, o Rei do Brasil”, no Cinemark Barigui e Cineplex Novo Batel, diversos horários.
– Presença permanente no cenário cultural e no imaginário coletivo dos brasileiros, pela riqueza de músicas, poemas, dramaturgia e romances construídos ao longo dos últimos 50 anos, Chico Buarque neste filme conversa com a própria memória, mostra seu cotidiano, seu método de trabalho, seu processo criativo, sua trajetória. “Chico – Artista Brasileiro”, Cinemark Barigui e Espaço Itaú de Cinema, diversos horários.
– Victor Sjöström é Isak Borg, um velho professor de medicina que reavalia a sua vida enquanto viaja para a universidade em que se formou para receber um título de doutor honóris causa. Borg viaja com sua estranha enteada Marianne (Ingrid Thulin) e revisita muitos marcos de seu passsado, vindo à tona memórias de sua família e de Sara (Bibi Andersson), sua paixão de juventude. “Morangos Silvestres” é considerado um dos melhores filmes do diretor sueco Ingmar Bergman. Espaço Itaú de Cinema, às 13:30h.

exposição
– Com organização e coordenação de Jul Leardini, está aberta até o dia 23 de dezembro a 1ª Feira de Arte Art Invest na cidade. 70 artistas visuais têm trabalhos expostos para comercializar obras. No Galpão Atelier João Moro (Av Manoel Ribas, 4232), diariamente, das 9h às 18h.
– A Galeria Ybakatu Espaço de Arte comemora 20 anos de atuação. Para a efeméride estão em exposição obras de 28 artistas atualmente vinculados à galeria – que utilizam linguagens de escultura, desenho, pintura, fotografia, vídeo-arte e performance. Até 20 de dezembro, de terça à sexta, das 14h às 21h; sábado das 11h às 20h e domingo das 13h às 17h.
– “Diálogos Construtivos no Brasil: Passado e Presente” apresenta obras de Abraham Palatnik, Alfredo Volpi, Athos Bulcão, Emmanuel Nassar, Geraldo de Barros, José Bechara, José Patrício e Raul Mourão, com para dar um panorama da arte ligada ao construtivismo do país. Na Simões de Assis Galeria de Arte, de segunda à sexta-feira das 10h às 19h e sábado das 10h às 15h.

literatura
– Para comemorar uma década da personagem Amely, a cartunista Pryscila Vieira lança amanhã o livro “Amely, uma mulher de verdade: 10 anos”. O evento acontece na Livraria da Vila, no Shopping Pátio Batel, a partir das 18h30. Haverá coquetel de bebidas e venda de livros autografados.
Entre tirinhas irônicas e comentários pessoais da cartunista, o livro é uma edição de luxo com os melhores momentos d…a personagem nestes dez anos. Relacionamentos amorosos e empoderamento feminino fazem parte do discurso da boneca.
Com prefácio escrito por Ziraldo, todas as tiras foram glosadas para contar aos leitores um pouquinho mais sobre os ideais criativos de Pryscila. Com 95 páginas, o livro foi desenvolvido pela editora Contenido Publish e contém, ao final, “passatempos sacanas” feitos por Pryscila para os fãs da personagem. O livro poderá também ser adquirido pelo site www.amelyreal.com. As entregas serão feitas para todo o Brasil, com frete gratuito.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*