"O PT e o PMDB vão acabar" | Fábio Campana

“O PT e o PMDB vão acabar”

por Débora Bergamasco

O sempre discreto e comedido ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki, relator da Lava Jato na corte, desabafou em uma roda de amigos: “O PT e o PMDB vão acabar”. A conversa aconteceu durante um almoço em Porto Alegre, neste mês. Entre uma taça e outra de vinho, ele demonstrava seu espanto com a magnitude, a profundidade e o número de pessoas envolvidas nos casos de corrupção apurados por esta investigação. Diante do que ele já sabe, acha que não sobrará pedra sobre pedra.


10 comentários

  1. aldebaran
    domingo, 20 de dezembro de 2015 – 13:48 hs

    é verdade o pt e o pmdb vao acabar mesmo e junto vai psdb pdt psb e mais outros ps que emporcalham e corrompem a politica brasileira

  2. ind@ind.com.br
    domingo, 20 de dezembro de 2015 – 16:51 hs

    DEUS TE OUÇA SR MINISTRO E TOMARA QUE NUNCA MAIS VOLTE.

  3. domingo, 20 de dezembro de 2015 – 19:57 hs

    Que limpeza heim ? Só assim para acabar com a corrupção

  4. domingo, 20 de dezembro de 2015 – 20:01 hs

    Eles sao os verdadeiros sanguessuga do Brasil Ladroes!!,!

  5. João Carlos
    segunda-feira, 21 de dezembro de 2015 – 0:00 hs

    Deus te “ouva” e que isso realmente aconteça.

  6. JOHAN
    segunda-feira, 21 de dezembro de 2015 – 9:48 hs

    Caro FÁBIO, é muito estranha e atrasada a manifestação desse ministro no tocante a extinção do PT e PMDB. As siglas partidárias no país não querem dizer nada, nada mais são que agrupamento de agentes políticos preparados para extorquir DINHEIRO da nação. Os agentes políticos não possuem compromisso e respeito para com as siglas partidárias, observar o caso do PMDB VELHO DE GUERRA, visto que os agentes políticos mudam de siglas como se troca de cueca selada.Essa medida já é do conhecimento da população há muito tempo e se faz necessária. A nação necessita se ver livre dessas siglas e dos agentes políticos participantes, que esse ministro, tarda a julgar permitindo a manutenção dos mesmos atuando contra a nação. Atenciosamente.

  7. SYLVIO SEBASTIANI
    segunda-feira, 21 de dezembro de 2015 – 10:47 hs

    Estes dois Partidos politicos podem não acabar, mas já na próxima eleição de 2016, municipais, terão uma queda brusca e vão sentir o peso. Já no ano de 2018, eleição nacional e estadual, já terão menos candidatos fortes de votos e ai começa a grande “queda” destes dois partidos. É o meu pensamento.

  8. O CURITIBANO
    segunda-feira, 21 de dezembro de 2015 – 11:24 hs

    ANTES TINHA UM PC FARIAS,HOJE SÃO 150 PCS FARIA ,QUE A

    DILMA NOS DE DE PRESENTE DE NATAL A SUA RENUNCIA,PARA

    QUE POSSAMOS VOLTAR A TER ESPERANÇA,DIGNIDADE E

    VONTADE DE SER BRASILEIRO…..E ELES QUE VÃO ROUBAR EM

    OUTRO PAIS…

  9. antonio marques
    segunda-feira, 21 de dezembro de 2015 – 14:43 hs

    O problema não são as siglas partidárias, mas os políticos que se abrigam nelas. Se os partidos se auro-extinguirem, seguramente seus políticos-filiados migrarão para outras siglas. Mas importante que extinguir partidos seria extinguir esses políticos corruptos. Portanto, nas próximas eleições, que DEUS nos dê discernimento na hora do voto.

  10. domingo, 21 de outubro de 2018 – 18:05 hs

    O futuro já chegou.
    Inclua também o PSDB.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*