Na casa de Temer, peemedebistas em cima do muro | Fábio Campana

Na casa de Temer, peemedebistas
em cima do muro

Guilherme Amado, O Globo

Michel Temer reuniu ontem à noite no Palácio do Jaburu os pesos-pesados do PMDB para analisar o pontapé dado no impeachment por Eduardo Cunha.

Estiveram lá Renan Calheiros, Romero Jucá, Valdir Raupp, Eunício Oliveira, Henrique Alves e Hélder Barbalho, entre outros.

Fiéis ao estilo PMDB, nenhum deles, nem o vice-presidente nem os ministros, deu opinião sobre o mérito do impechment.


4 comentários

  1. ELEITOR DE BOA MEMORIA
    quinta-feira, 3 de dezembro de 2015 – 12:35 hs

    pmdbista de peso (de gordo) e sempre em cima do muro o parana entra com o requião

  2. CRISTOVÃO
    quinta-feira, 3 de dezembro de 2015 – 14:35 hs

    Renan Calheiros, Romero Jucá, Valdir Raupp, Eunício Oliveira, Henrique Alves e Hélder Barbalho, …..e incluindo ao nosso MAMONA TODOS TEM O …..RABO PRESO, portanto, piiizzzzaaaa a vista

  3. FUI !!!
    sexta-feira, 4 de dezembro de 2015 – 5:52 hs

    O Temer que sempre foi um grande “papagaio de pirata”, ou seja
    nunca foi Vice Presidente, hoje vislumbra com a mínima possibili-
    dade de se tornar Presidente. Só a Dilma não percebeu até hoje
    que o maior perigo sempre morou ao seu lado:- o Temer !!!

  4. QUESTIONADOR
    sexta-feira, 4 de dezembro de 2015 – 9:32 hs

    -Mas quem afirmou que em caso de impeachment da presidente, Michel Temer pode ter legimidade para assumir o posto de presidente. Mas não escapará do julgamento moral da população que poderá acusá-lo de cúmplice pelo atual momento de dificuldade em que o País atravessa.
    -Retirar a dentuça para alavancar o vampiro…pode-se trocar um mal maior pelo menor…mas ainda não será a solução necessária para a República falida brasileira!!!
    -Em caso do Temer assumir, seu mandato poderá ser uma cópia do governo Sarney(outro que deveria responder na Justiça), sem grande sucesso, apenas conchavos e mais conchavos!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*