Vaticano prende sacerdote e analista por vazamentos | Fábio Campana

Vaticano prende sacerdote e analista
por vazamentos

image

O novo escândalo que eclodiu nesta segunda-feira no Vaticano, com a prisão do padre espanhol Lucio Anjo Vallejo Balda, acusado de divulgar documentos confidenciais, marca o início de uma semana turbulenta na Santa Sé. O caso, que lembra os vazamentos aos quais se atribui o fim do pontificado de Bento XVI, em 2013, acontece a poucos dias da publicação de dois livros que prometem jogar no altar polêmicas antigas e inéditas sobre os bastidores da Igreja Católica. O episódio também acontece pouco depois de notícias de invasão a computadores oficiais ganharem repercussão na mídia italiana.

Balda, de 54 anos, foi detido no fim de semana, juntamente com a especialista em comunicação e mídias sociais italiana Francesca Chaouqui, de 33 anos. Ela era conhecida por seus tuítes polêmicos e pela amizade com um dos jornalistas que revelaram os documentos do escândalo “Vatileaks” em 2012.


2 comentários

  1. QUESTIONADOR
    terça-feira, 3 de novembro de 2015 – 12:34 hs

    -O que acontece dentro dos muros do Vaticano, ficará dentro dos muros do Vaticano, reza a lenda!!! Quando muito, serão arquivados dentro da biblioteca do Vaticano, em sala muito reservada!!!!
    -Tudo é questão de poder e dinheiro envolvidos, não seria diferente no Vaticano.
    -Muito difícil dizer o que realmente aconteceu dentro dos muros…pois chegar às informações primárias, torna-se ofício de investigador!!!
    -Seria mais um caso no rol de escândalos que supostamente sabemos. Todos devem lembrar do escândalo do Banco Ambrosiano e da P2(Propaganda Duo)???

  2. zé povinho
    terça-feira, 3 de novembro de 2015 – 12:44 hs

    O padre espanhol está cuspindo no prato em que comeu, ele sabe das consequências das suas declarações vão causar à Igreja. Mas para aparecer na mídia vale tudo, até cuspir no prato em que vem comendo há tantos anos.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*